Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 1:28 am

Olá, pessoas!

No meu último Pinhão do Tabuleiro em, o quê, provavelmente cerca de um ano, o que joguei foi:

- Roll Through the Ages: The Bronze Age (Gustavo, Pedro - outro, e eu) - foi a estreia do Gustavo e do outro Pedro, e o Gustavo ousou seguir em boa parte do jogo com somente três cidades, aproveitando-se de precisar de pouca comida, para se focar em construções e mercadorias. O Pedro ia com o que parecia melhor, sofrendo com secas. Eu fui para expandir as cidades de meu império, batendo-me para conseguir comida, até que afinal minha civilização desenvolveu agricultura, e daí pude começar a partir para outras aventuras: como a construção da Grande Muralha. Com a aquisição de trabalho em pedra, o Gustavo começou a aumentar suas cidades e construir monumentos. O momento decisivo foi quado o Gustavo não conseguiu terminar a construção da Pirâmide, o que encerraria o jogo, assim tive mais um turno, e de uma vez só fiz a Pirâmide e desenvolvi Religião. Em sua vez, o Gustavo completou a Pirâmide, mas por menos pontos, desenvolveu os Silos e passou a peste para o Pedro. O placar ficou: 36 pontos para mim, 23 para o Gustavo e 17 para o Pedro;

- Doom: The Boardgame (Gustavo, Pedro - outro, Wilson e eu) - ah, uma aguarda estreia! Joguei como o líder dos invasores, enquanto os demais jogaram como os soldados da segurança recém-chegados na base de Marte da Union Aerospace Corporation, pegos de surpresa pelo alerta de segurança informando sobre uma brecha inesperada no setor de pesquisas dimensionais, agora eles precisam escapar antes que toda a base seja lacrada e os que ficarem para trás, que morram ou lidem com o que quer que esteja saindo por aquela brecha. Assim, os soldados precisam seguir até o setor de lançamento das naves de escape - mas eles sequer sabem direito onde ela fica! É dessa maneira que começa o primeiro cenário - Até os Joelhos Afundados em Mortos (Knee Deep in the Dead). Os soldados começaram bastante bem, eliminando algumas pessoas da própria base que agiam como zumbis sem mente, mas ferozes e estranhamente fortes o suficiente para atacarem com seus próprias mãos de forma terrível. Mesmo quando um cachorro bizarro surgiu em seus caminhos, eles se mantiveram calmos, e o eliminaram. A situação começou a mudar numa das salas de pesquisa, tomada por monstros, que eles até conseguiram lidar, mas novas ondas de criaturas continuavam aparecendo. Eles encontraram um cientista morto, parcialmente digerido, que tinha em suas posses uma chave de segurança, que os soldados sabiam que poderiam necessitar para abrir as portas, caso já estivesse lacradas pelo sistema de protocolo de emergências. As granadas do Wilson, os ataques rápidos do Pedro e a serra-elétrica do Gustavo, deram conta dos zumbis, dos imps e das aranhas. Porém, sendo feridos, eles iam caindo, e necessitavam cada vez mais de remédios fortes para continuar em frente. O buzinar das sirenes de alerta continuava soando, e as luzes piscavam de maneira caótica. Os soldados seguiam adiante, deixando marcas de sangue por onde passavam, assustados com a munição que minguara, obrigando o Wilson e o Pedro a terem que lutar com as mãos em vários momentos. Eles acharam uma outra chave de segurança, mas de menor nível de liberação, ao menos suficientes para abrir uma porta que encontraram adiante. Ali parecia haver um amplo hangar e os soldados reconheceram a porta que dava acesso à área de lançamento de naves de escape. Só... só que diante deles havia um trio de seres gigantes, duas, três vezes o tamanho de um ser humano, e um quarto bruto, quase tão grande quanto os outros, que tinha armas de alto calibre fundidas em seus braços. Wilson e o Pedro avançaram, com granadas em mãos, e a primeira saiu longe demais, mas a seguinte conseguiu ferir os monstros e também enfurecê-los. Seus contra-ataques esmagaram os dois soldados, e o Gustavo, sozinho, isolado, tentou fugir, então viu que, do corredor atrás dele, vinham estalos e rosnados assustadores. Adiante ele viu as sombras das criaturas vindo. Ele pegou uma granada, tirou o pino e a colocou no bolso, então saiu correndo na direção dos monstros enormes, atirando loucamente. O som explosão ecoou pela base, tomada pelos invasores;

- Yspahan (Gustavo, Pedro Dossi (outro do outro), Guilherme e eu) - foi uma excelente partida, mesmo com dois aprendendo, pois o Yspahan não é jogo que se demore para entender. Abri pequena vantagem após a pontuação da primeira semana, pois atendi bastante bem aos vendedores. Na segunda semana, entre construções e atender os vendedores, o Gustavo e eu ficamos empatados, com o Pedro e o Guilherme razoavelmente para trás. Na terceira pontuação, foi como que o retorno dos aprendizes, pois o Pedro pontuou bastante e chegou junto aos demais - exceto o Gustavo, que entre o uso de cartas e de dados, disparou no final. A pontuação ficou: 90 pontos para o Gustavo, 75 para mim, 70 para o Guilherme e 65 para o Pedro (e, sim, no jogo existem pontos entre 0 e 5);

- Battlestar Galactica (Gustavo, Pedro Dossi (outro do outro), Guilherme, Giovani e eu) - agora sim, uma partida completa. Os personagens ficaram: Gustavo - Adama, Pedro - Apolo, Giovani - Starbuck, Guilherme - Chief, e eu - Roslin. O começo foi morno, com as pessoas se medindo, sem saber em quem confiar, mas logo usei uma carta de quórum que me permitiu vez a carta de lealdade do Adama (Gustavo), e vi que ele era humano - ótimo, eu também era, então presidente e almirante cobertos. A capacidade da Roslin (ver duas cartas de crise e escolher uma) evitou nada menos do que três ataques cilônios! Na terceira eu já estava rezando para não me tornar cilônio na fase dos dormentes, pois certamente não haveriam muitos ataques depois. Todos os elementos estavam bem cobertos, exceto a comida, que estava um pouco baixo, mas nada que causasse grande preocupação. A fase dormente veio e, por certo, lá estava: a Roslin era uma cilônia! Maldição desgraçada - ao menos eu podia ter economizado um ataque ou dois para mais tarde. Então, quando tive que escolher entre perder comida ou cartas, já escolhi comida. Nada de ficar me escondendo - danem-se os outros! Essa casa tem que cair e o quanto antes. Minha vez era a próxima, então já mandei o Adama para a cadeia, com uma carta de quórum, e comecei a escolher as piores crises das duas que viessem na minha mão - e, por certo, cade os ataques ou crises sem salto? O Apolo (Pedro Dossi) era certamente humano, então minha aposta estava no Chief (que estava na cadeia, devido à uma falha em uma crise anterior) ou na Starbuck, que estava ajudando os humanos. Valha-me, Santo Robô. Mas era só um engodo: a Starbuck (Giovani) era uma cilônia, e com a presidência em mãos (foi de mim para ela), ela também escolheu uma opção de perder comida, entregando-se. Com dois humanos na cadeia, a situação parecia boa para os cilônios, contudo era poucas as cartas sem saltos, e com o maldito Chief (Guilherme) transformando cartas azuis em positivas para as votações, estava dose de eles falharem em várias, mesmo com dois presos. Tentei mandar o Adaminha para a prisão, mas não deu. Conseguimos um respiro quando a presidenta me deu uma carta que fazia com que eu escolhesse o destino do próximo salto (com as cartas que peguei, não fez diferença, mas sabendo que eu escolheria, isso inibiu o uso de ações para escolher uma carta de destino 3, o ideal, pois iriam direto para 8 e só precisariam de mais um salto). O Apolo, recebendo ordens executivas de seus amigos na cadeia, pediu por uma nova eleição e o cargo de presidente foi para o Adama (Gustavo), que em sua ação seguinte libertou com o perdão presidencial (a segunda carta de quórum que eu tinha pego!) o Chief. A situação para os cilônios piorava - e a comida ainda estava em 5 (população em 8, moral em 9 e combustível em 5, mas precisando só de mais um salto em que o combustível importaria). Sem muito mais o que fazer ali, dei uma ordem executiva para a Starburck que se revelou e em seu turno (o seguinte ao meu), já começou usando a ação de pegar duas crises e resolver uma. Só vinham cartas de crise médias, nada destruidor - mas, ao menos, em duas rodadas olhávamos 4 delas. Algo "bom" teria que vir disso. Sem ataques, a frota colonial saltou e faltava só um salto. O Adama conseguiu sair da cadeia. Minhas esperanças minguaram para um quase nada. Com o salto já em 1, mais dois avanços e um salto, mesmo que perdesse 3 de população, daria a vitória aos humanos. Na vez do Gustavo, uma crise reduziu a comida em 1 (para 4), na vez do Apolo, não teve avanço no salto, mas nenhuma perda significativa. Em minha vez, solicitei uma nova eleição e a Roslin foi reinstituída ao cargo! Esses humanos, vou lhe dizer, elegem literalmente qualquer um. Nas duas cartas que crise, uma era para a Presidente escolher: Perder 2 de comida ou... Nem li o resto. Comida em 2. A vez seguinte era da Starbuck, lá na nave cilônia, e pegou duas crises, uma delas em que a Presidente escolhe: -2 de comida ou... A partir disse os humanos se tornaram canibais e é dito que mísseis eram usados como um jeito de fazer churrasco mais rápido. Vitória dos cilônios (Guilherme e eu), e devo dizer que não esperava que ela viesse, mas a presidência (só por curiosidade, o Gustavo/Adama estava com duas cartas de racionamento de comida, que podiam elevar a comida em 1 ponto cada) e duas cartas perfeitas, fecharam a conta. Era praticamente certos que, tendo o Chief, o Adama e o Apolo para jogar antes de nós, nem veríamos a vez novamente.

E foi isso!

Abs,


Última edição por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 3:15 pm, editado 2 vez(es)

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Trentini em Qua Maio 29, 2013 8:16 am

E eu não fui no Pinhão, perdi de jogar BSG, pq agora quinta vcs não querem mais, enfim, esses humanos são muito burricos ein?

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3430
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por doizinho em Qua Maio 29, 2013 9:17 am

Agora precisamos descobrir quem mais tá afim em jogar o BSG por que uma boa parcela de interessados furou os olhos de todo mundo e jogou ontem. Eu continuo interessado mas com poucos horários, pra ser mais preciso só posso jogar nos encontros de sexta (excepcionalmente quarta essa semana).

________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3206
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 9:27 am

Oba!

Roll Though the Ages - fiquei feliz em conhecer, jogo muito bem bolado!

Doom - Ah, esse será motivo de ciúmes geral. Uns 4 já queriam saber o preço. Curti muito mesmo, ele tem umas mecânicas que fazem a questão dos mariners parecer mais realista. Ele é mais simples, mas ao mesmo tempo muito exigente. Curti mesmo. A propósito... quinta... Doom... quem sabe...

Yspahan - Fazia tempo que eu não jogava, preciso levar mais. É sempre bom demais.

BSG - A partida foi... legal... mas como eu já tinha dito sobre o Twilight Struggle, estou assim de jogar com o freio de mão puxado (mesmo o Tiago jogou assim). Preciso admitir que os novatos até jogaram certinho, mas mesmo assim faltou algo. Com 3 novatos é muito tempo explicando coisas e tendo de dizer o que se fazer em caso de ser cilônio ou humano, o que tira um pouco a graça. É bastante chato ter de toda votação perguntar: "alguém tem isso? alguém
tem aquilo?". Claro, é inevitável. Sobre o jogo, o Tiago estava pessimista, mas as coisas estavam equilibradas, ao meu ver.

Foi um dia bacana!

Ah, Alexandre, é pela razões acima que eu fico assim de jogar o BSG. Não é nada pessoal - mas de fato preferiria jogar algo 100%, e o BSG é daqueles jogos em que quem explica deve a todo instante estar inferindo algo - se ficar na sua, o jogo desanda.

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Trentini em Qua Maio 29, 2013 9:35 am

@Gustavo escreveu:
Ah, Alexandre, é pela razões acima que eu fico assim de jogar o BSG. Não é nada pessoal - mas de fato preferiria jogar algo 100%, e o BSG é daqueles jogos em que quem explica deve a todo instante estar inferindo algo - se ficar na sua, o jogo desanda.

Compreendo, e duas experiências assim durante a mesma semana é complicado, ainda mais num jogo que costuma durar bastante como o BSG.

Mas jogamos outra coisa quinta, sem problemas, topo mais uma partida de Britannia, ou se quiserem, levarei o Tzolk'in, o Perretto conhece já tb, e é um jogo bem mais rápido. (cerca de 2 horas).

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3430
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 9:46 am

Acho que só alguns poucos jogos sofrem pelo fato de alguns serem novatos, e BSG é um desses. Britannia, Arkham, Doom, euros, etc., não sofrem, ou o problema é tão pequeno que não importa...

Por exemplo, no Britannia, depois da segunda rodada todo mundo está 100% no jogo. No BSG você tá falando até a penúltima rodada. Mesmo depois que todo mundo sabia quem era quem era preciso recordas algumas mecânicas...

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Trentini em Qua Maio 29, 2013 9:52 am

O que atrapalha um pouco também é o cara estar dentro do clima do jogo 100%, quem viu a série se beneficia disso, e costuma inclusive gostar mais do jogo, afinal de contas é demais comparar as situações adversas que acontecem no jogo com a série ehehhee.

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3430
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Soar em Qua Maio 29, 2013 10:10 am

Eu passei pelo Pinhão e só deu tempo de conhecer o Cold War Cia vs KGB, que joguei com o Binder.
Um jogo muito bacana, nesta partida o Binder me derrotou ao usar por três vezes um espiãozinho sem vergonha que invertia o resultado do match, ou seja eu ganhava a partida e ele invertia o resultado.
Valeu Binder!

________________________________________________
"We Are the Borg. You Will be Assimilated. Resistance is Futile"
 
avatar
Soar
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1820
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 45
Localização : Kronnos 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Rafaelfo em Qua Maio 29, 2013 10:25 am

Warrior escreveu:Eu passei pelo Pinhão e só deu tempo de conhecer o Cold War Cia vs KGB, que joguei com o Binder.
Um jogo muito bacana, nesta partida o Binder me derrotou ao usar por três vezes um espiãozinho sem vergonha que invertia o resultado do match, ou seja eu ganhava a partida e ele invertia o resultado.
Valeu Binder!

Esse é um jogo excelente pra duas pessoas. Simples ao extremo e permite muitas sacanagens. E mesmo em sua simplicidade reflete muitíssimo bem o clima "guerra fria".

________________________________________________
avatar
Rafaelfo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1809
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.sommastudio.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Pedro em Qua Maio 29, 2013 10:42 am

@doizinho escreveu:Agora precisamos descobrir quem mais tá afim em jogar o BSG por que uma boa parcela de interessados furou os olhos de todo mundo e jogou ontem. Eu continuo interessado mas com poucos horários, pra ser mais preciso só posso jogar nos encontros de sexta (excepcionalmente quarta essa semana).

Fabiano, eu sou parceiro para um BSG... creio que o Léo também. Afinal estávamos na partida inacabada e eu curto muito esse jogo. Encaro sempre que possível.

________________________________________________
avatar
Pedro
18XX (Admin)
18XX (Admin)

Mensagens : 1958
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 34
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.meeplehouse.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 3:48 pm

Sim, o BSG com novatos é MUITO complicado. Primeiro que é preciso explicar o encadeamento de situações que podem advir de certas escolhas - desde o uso das cartas, até de passar ou não uma crise.

Para ter uma ideia, o Guilherme (um dos cilônios), votou CONTRA mandar o Apolo para a cadeia, que naquele momento era o único humano ainda solto. Ele não fez isso por querer se manter escondido, foi porque se confundiu com o objetivo da votação (vota-se para algo ocorrer, não para algo ser evitado). Ele poderia perguntar: "Se eu não quero que ele vá para a cadeia, que cores eu coloco?", mas, sei lá, ele pode ter achado que isso poderia levantar suspeitas.

Isso porque tudo ainda é dificultado pela situação do cilônios. Se um novato é cilônio, raramente atrapalhará como deve - usualmente ficará nervoso e acabará ajudando demais. Por isso eu me revelei (por ações, não pela minha carta) logo de cara, para dar espaço de folga do outro cilônio, que poderia atrapalhar votações sem levantar tantas suspeitas, afinal eu poderia ter colocado aquelas cartas.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:02 pm

Os humanos, com a coordenação do Gustavo, jogaram bastante bem! Acho que vocês não devem ter lido a parte em que dois deles estavam presos, e somente um solto, contra dois cilônios soltos pela nave. E que mesmo assim eles tiraram a presidência dos cilônios duas vezes (uma de mim, outra da Starbuck), e ainda conseguiram soltar os dois presos?

Tudo isso considerando ainda que dos três, dois (os presos), podiam adicionar somente 1 carta a qualquer votação?

É certo que eles levaram sorte por não ter vindo nenhum ataque cilônio, que seria destruir numa situação como essa (afinal, movendo os raiders e as naves civis, seria um desastre). Mas eu duvido que os humanos podiam fazer mais do que fizeram.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Trentini em Qua Maio 29, 2013 4:05 pm

Me referia a essa parte EHEHHE, mas talvez eu não tenha entendido bem o que vc quis dizer

@tiagovip escreveu:Em minha vez, solicitei uma nova eleição e a Roslin foi reinstituída ao cargo! Esses humanos, vou lhe dizer, elegem literalmente qualquer um

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3430
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:30 pm

Alexandre Trentini escreveu:Me referia a essa parte EHEHHE, mas talvez eu não tenha entendido bem o que vc quis dizer

@tiagovip escreveu:Em minha vez, solicitei uma nova eleição e a Roslin foi reinstituída ao cargo! Esses humanos, vou lhe dizer, elegem literalmente qualquer um

É questão de jogo. A Roslin pega cartas verdes e amarelas. Na eleição para presidente, contam-se cartas dessas cores. Os humanos estavam quase sem cartas nas mãos. Eu coloquei as duas que tinha (totalizando 10), o Gustavo colocou outras para funcionarem como negativas. Ao menos uma carta do do destino me ajudou. Então a Roslin foi reinstituída ao cargo.

Abs,


Última edição por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:34 pm, editado 1 vez(es)

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Trentini em Qua Maio 29, 2013 4:32 pm

Ah, entendi, é que da forma como vc comentou ficou parecendo que eles quiseram te colocar de novo no cargo, mas você só estava fazendo um role playing do que ocorreu. Clever, very clever action

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3430
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 4:34 pm

Nessa hora eu fico pensando se o Guilherme não estava meio confuso. Ele estava com 8 cartas na mão e só colocou 1! Pela matemática, ele deveria ter pelo menos 3 cartas azuis, ele não usou nenhuma vez as de Repair.

De qualquer forma - chega de falar de BSG. Vamos falar do jogo do momento: DOOM! Yeah! Basketball Esse vocês tem de conhecer!

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:35 pm

Alexandre Trentini escreveu:Ah, entendi, é que da forma como vc comentou ficou parecendo que eles quiseram te colocar de novo no cargo, mas você só estava fazendo um role playing do que ocorreu. Clever, very clever action

Ah, isso, só flavor text!

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:36 pm

@Gustavo escreveu:De qualquer forma - chega de falar de BSG. Vamos falar do jogo do momento: DOOM! Yeah! Basketball Esse vocês tem de conhecer!

Por sinal, vi que falta efetivamente aquela miniatura do soldado! Evil or Very Mad Evil or Very Mad Evil or Very Mad Evil or Very Mad Evil or Very Mad Sad Sad

Estou vendo de comprar algumas miniaturas da Reaper para servir de proxi.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 4:47 pm

Putz, veio sem ela? Isso é mal. O que haveria de parecido para substituí-la? É vermelha, não é? Deixa eu checar aqui meu heroclix.

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 4:50 pm

Tenho dois Heroclix que podem servir, mas seria bom checar o tamanho. Talvez elas sejam maiores... Eu levo quando foi aí! Uma é de um soldado, tipo Segunda Guerra, e outra é de um cara vermelho com uma arma na mão.

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 4:59 pm

@Gustavo escreveu:Tenho dois Heroclix que podem servir, mas seria bom checar o tamanho. Talvez elas sejam maiores... Eu levo quando foi aí! Uma é de um soldado, tipo Segunda Guerra, e outra é de um cara vermelho com uma arma na mão.

Hum, pode servir, mas provavelmente a mini será uns 30% maior do que aquela do jogo - uso como base de comparação o Heroclix para as minis do Gears.

Tanto que, por isso avalio em comprar pelo menos 3 minis, porque mesmo que sejam maiores, entre si todas terão tamanho igual (o único efeito negativo será que os zumbis, o imp e o archvile perderão moral, já que ficaram menores do que os soldados, mas é a vida).

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 5:00 pm

Agora, fora a mini, no Doom você achou bom ter que anunciar suas duas ações antes de prosseguir seu turno? Estava pensando em deixar as ações serem anunciadas uma a uma.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Gustavo em Qua Maio 29, 2013 5:15 pm

Eu gostei bastante ser daquele jeito. Ele limita os jogadores, mas isso gera mais emoção. Por exemplo: vou abrir a porta. Não sei o que verei! Podendo escolher depois as coisas ficam mais fáceis. Agora, você tendo de dizer: vou mover e atirar, ou vou só mover... você precisa se arriscar, e isso é muito legal. Eu não mudaria.

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1695
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por tiagovip em Qua Maio 29, 2013 5:24 pm

@Gustavo escreveu:Eu gostei bastante ser daquele jeito. Ele limita os jogadores, mas isso gera mais emoção. Por exemplo: vou abrir a porta. Não sei o que verei! Podendo escolher depois as coisas ficam mais fáceis. Agora, você tendo de dizer: vou mover e atirar, ou vou só mover... você precisa se arriscar, e isso é muito legal. Eu não mudaria.

Beleza!

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6034
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terça - 28/maio (Pinhão do Tabuleiro)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum