Samurai - resenha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Samurai - resenha

Mensagem por tiagovip em Seg Set 16, 2013 5:01 pm

LADRÕES & ZERGS - A BUSCA PELO TEMA PERDIDO

Este é um jogo do Reiner Knizia. O que isso significa? Ora, usualmente significa uma mecânica apurada e tema colado em cima com cascolar, então não sacuda muito senão desgruda.



(Cortesia do Tiagoaob)

E isto se aplica aqui? Sim, não há como circunavegar isso. Poderiam ser um bando de ladrões que cercam pessoas na rua e aquele que tem mais ladrões leva o roubo - assim, quem tiver a maioria de colares, relógios e carteiras, disputa a vitória. Ou são soldados no espaço sideral combatendo alienígenas, e aqueles que cercarem os oponentes com as maiores forças os vencem - dessa forma, quem destruir mais dos zergs, dos protoss ou dos aliens disputa a vitória. E assim em diante. Claro, talvez os mesmos fossem um pouco mais difíceis de vender, e mesmo quebrassem alguns direitos autorais, mas de qualquer maneira funcionaria sem mudar basicamente uma vírgula da mecânica.


MAS QUE MECÂNICA É ESSA?

É a da colocação de tiles (que, neste caso, são peças hexagonais com símbolos que indicam suas funções). Cada jogador tem tiles disponíveis as quais posiciona no tabuleiro de forma a obter o máximo possível das peças que estão espalhadas pelo tabuleiro.

São três tipos de peças:
- os Kabutos (capacetes);
- os Budas;
- os Obentôs (pratos de arroz).



(Cortesia do Tiagoaob)

O jogador pega, de forma aleatória, 5 tiles entre todas as que têm disponível. São 8 os tipos de tiles divididos de duas maneiras.

As de uso único:
- os Samurais (que influenciam todos os tipos de peças);
- os Budas (que influenciam somente as peças dos Budas);
- os Kabutos (que influenciam somente as peças dos Kabutos);
- os Obentôs (que influenciam somente as peças dos Obentôs);
- o Mu (que permite substitui um tile seu de qualquer lugar, permitindo que você realoque o tile que foi substituído pelo Mu).

Essas peças, quando usadas, encerram o turno do jogador.

As de uso múltiplo:
- os Ronin (que influenciam todos os tipos de peças);
- os Barcos (que influenciam todos os tipos de peças, mas devem ser colocadas nos hexágonos de água, nunca em terra);
- a de Troca de Peça (que permite que uma peça seja trocada de lugar com outra peça).

Essas peças, quando usadas, não encerram o turno do jogador, que ainda pode colocar outros tiles no tabuleiro.

Ao final de seu turno, o jogador pega tiles até que tenha novamente 5 para poder usar da próxima vez.



(Cortesia do Tiagoaob)


MUITO BEM, E O JOGO?

Ah, a mecânica compensa tudo que falta de tema. É ágil, inteligente e com várias possibilidades de escolha, fazendo com que cada tile colocado seja precedido por um certo tempo pensando e avaliando onde melhor encaixá-lo. Mesmo assim, uma partida bem disputada não passa de 1 hora e usualmente a emoção é mantida até o final, quando são reveladas as peças coletadas até então e vê-se quem foi o vencedor.

O jogo escala bem, sendo bom em 2, 3 ou 4 jogadores (eu prefiro em 2 ou 3, em 4 a situação das peças no tabuleiro podem mudar bastante até a vez voltar ao mesmo jogador, o que dificulta a estratégia, tornando o jogo mais tático). Em duas pessoas, o Samurai a duração da partida raramente vai além de 30 minutos. Cada jogador adiciona 15/20 minutos no tempo de jogo.

Minha opinião é de que este jogo é um dos melhores jogos feitos pelo Knizia. Ele tem uma profundidade diferente do complexo Tigris & Euphrates, ainda que dividam a similaridade de ambos serem jogos em que cobre-se o tabuleiro com peças diversas. O Samurai é mais parecido com o Ra, em duração e simples engenhosidade do desenho, ainda que sejam bastante diversos nas mecânicas.

Enfim, um jogo altamente aprovado!

Um adendo: o jogo tem uma versão nacional, com regras em português, editado pela Ceilikan. Para quem quiser saber mais clique aqui.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5997
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por Gustavo em Seg Set 16, 2013 5:14 pm

Que ótimo review!

Tiago, você está publicando eles em algum outro lugar, agora que a Meeple House is no more? Talvez você pudesse colocar na Eu Gosto de Jogar...

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1669
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por tiagovip em Seg Set 16, 2013 5:18 pm


________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5997
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por Gustavo em Seg Set 16, 2013 5:25 pm

Se você tiver interesse de postar no Eu gosto de jogar, eu posso falar pro caco colocar você como escritor lá...

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1669
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por tiagovip em Ter Jul 21, 2015 10:24 am


________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5997
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por Trentini em Ter Jul 21, 2015 10:31 am

ótima review, ainda pretendo adquirir esse jogo, aproveitar agora essa edição nova da FFG. E Gustavo, sempre postamos no blog da Curitiba Lúdica, por que você não posta por lá? Sei que deve ter alguns textos bacanas para por lá.

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3411
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Samurai - resenha

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum