Doom - Através do Espelho Negro - 17/fevereiro

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Doom - Através do Espelho Negro - 17/fevereiro

Mensagem por tiagovip em Sex Fev 19, 2016 4:01 pm

Olá, pessoas!

Segue o relato:

Éder, Careca & Marcelo - Soldados
Tiago - Líder dos invasores

Após o terceiro cenário, antes de iniciarmos o quarto, o Careca gastou sua experiência para adquirir 1 nova habilidade - a do Cara Grande, onde agora seus socos causam 1 a mais de dano, empurra o oponente até 3 espaços e ele torna-se imune ao empurrão feito por invasores.





O começo do cenário - Através do Espelho Negro (Through the Mirror Darkly) - foi atípico, pois calhou do Batedor (neste momento controlado pelo Careca) logo abrir a primeira porta, expondo a primeira área, onde havia uma porção de Retornados (Revenants), um par de Querubins e um Mancubus. O Artilheiro Grandão (Careca) tentou lidar com o Mancubus, porém só conseguiu feri-lo. Restou a tarefa para o Tático (Éder), que lançou um granada que objetivava derrubar o Mancubus e um Querubim. Porém isso até o Tático errar o arremesso, que foi defletido pelo Mancubus direto para o pé do Tático e do Artilheiro e ambos sofreram o impacto da detonação (3 de dano em cada). Não bastasse isso, com todos os invasores da primeira área ainda vivos, foi um massacre: o Batedor recebeu 5 ataques, o Mancubus, enfurecido, atacou duas vezes o Tático e o Artilheiro juntos, com sua habilidade de "atravessar", e os Querubins finalizaram a onda de ataques. Ao final, os três soldados estavam ao chão.

Após recuperarem-se, soltarem granadas por todos os lados, limparem o local e pegar as armas caídas, os soldados seguiram adiante, encontrando um cientista em pânico, quase morto, que os alertou que a chance deles era avançar pela porta de segurança vermelha, onde o Cubo estava. O cientista não teve tempo de explicar o que o Cubo é ou faz, mas informou que, para abrir a porta, é preciso ativar, ao mesmo tempo, três chaves nos painéis de controle, em salas diferentes, acessadas por teleportadores. O terceiro, secreto, foi ativado pelo cientista, antes deste ser metralhado pelo um Zumbi Comando.





O Tático passou pelo teleporte secreto para uma sala apinhada de equipamentos e criaturas. Ele notou que ali havia uma BFG, mas foi derrubado e teve que ir para longe antes de ter a oportunidade de pegar a arma. O Batedor (já controlado pelo Marcelo) foi ajudar o Tático e em dupla conseguiram derrubar o Cavaleiro do Inferno, o Verme e as criaturas menores, além de pegarem a BFG.





De posse da arma, o Batedor seguiu para outro teleportador, já prevendo perigos adiante e que poderia limpar o local para os outros com a poderosa arma. Todavia, lá chegando, optou por não usá-la, temendo que a energia da mesma esgotasse. Foi algo não muito sábio, pois um terremoto removeu-os de suas posições bloqueando a passagem pelo teleportador, e criaturas vieram para o ataque. Apesar de suas ações de guarda terem eliminado os primeiros assaltantes, alguns atingiram seu intento e, pior, o Cacodemônio pegou, num disparo só, o Batedor e o Artilheiro.

Com a ajuda do Tático, o trio de soltados limpou o local e o Tático passou a cuidar do local, impedindo a entrada e dando sortidas ao outro lado, para ataques pontuais.





Enquanto o Artilheiro e seu bot de batalha ficava numa luta de disparos longos contra um Archvile, que era a pedra na botina dos soldados, o Batedor seguiu pelo terceiro teleportador, e ali não titubeou, usando a BFG para detonar a enorme Vagante que tinha um ninho por ali. O Artilheiro acabou por vir e ambos asseguraram o local. Agora era preciso correr até a primeiro dos teleportadores usados, de forma a todas as chaves serem ativadas juntas. Com o uso de um injeção de adrenalina, o Artilheiro chegou o mais rápido possível até lá. A porta vermelha foi aberta e agora era só preciso passar por ela.

Um Cacodemônio, no entanto, seguiu o Artilheiro e nu disparo contra ele, derrubou-o. Mesmo ferido, ele e os demais conseguiram ir adiante, após a BFG explodir o Archvile que guardava a passagem. Agora restava descobrir o que era o tal Cubo e porque os soldados sentiam-se atraídos a ele.


********* O trecho final aí é de conexão, pois quando o Cacodemônio garantiu o último frag necessário para os invasores vencerem o cenário - e demorou mais do que o esperado, após o início trágico para o lado dos soldados. Este é, definitivamente, o menor cenário de todos - a partida demorou cerca de 3 horas. É um cenário que, conhecendo-o, fica mais fácil, pois duas das salas, uma vez seguras, não podem mais ser ameaçadas, de um soldado fica nela. Uma, no entanto, é feita para sempre permitir criaturas, mas é a que contém a BFG, a qual pode ser de grande utilidade nas outras áreas. É de se avaliar. Foi um cenário massa, diferente dos outros em sua exigência, por obrigar a separação, momentânea, dos soldados. No próximo cenário: o fim!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Doom - Através do Espelho Negro - 17/fevereiro

Mensagem por doizinho em Sex Fev 19, 2016 4:13 pm

Esse grupo aí parece um grupo granadeiro que andava pela frança num rpg da segunda guerra mundial.

________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3131
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum