Sexta - 12/fevereiro

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sexta - 12/fevereiro

Mensagem por tiagovip em Seg Fev 15, 2016 1:01 pm

Olá, pessoas!

Nesta sexta o que jogamos foi:

- Eight-Minute Empire: Legends (Rafael Lodi, Gustavo e eu) - foi uma partida disputadíssima, tanto o é que foi decidida somente na última jogada. Eu espalhei-me para o oeste e o leste, e também tentei manter boa presença na ilha principal. O Gustavo brigou comigo pelo controle das áreas centrais e do leste, e com o Lodi pelas do norte; enquanto o Lodi disputava comigo por ilhas do oeste. Ninguém concentrou-se em bloquear outros de pontuar nas cartas, preferindo sempre aquela que mais lhe ajudava dentro de seus planos. Na rodada final, o Lodi e eu usamos os últimos movimentos disponíveis e o Gustavo, sem poder expandir, colocou um exército volumoso numa área que dividia com o Lodi, empatando na área e no controle da ilha, custando, ao Lodi, a perda de 2 pontos. Na contagem, 16 para mim e 15 para o Lodi e o Gustavo.

- Samurai Spirit x3 (Luiz, Gustavo e eu) - foram três partidas. Na primeira o Katsushiro (Gustavo), o Gorobei (Luiz) e o Kanbei (eu) até deram um bom suador nos atacantes, resistindo até o perto do fim da terceira onda de atacantes, porém, a vila acabou por ter todas as casas destruídas. Na segunda, o Gorobei (Gustavo), o Kikuchiyo (Luiz) e o Daisuke (eu) foram atropelados pelos atacantes, com a vila sendo toda destruída ainda na segunda onda de ataques, até porque, já na primeira, mais da metade tinha sido perdida. Um desastre. Na terceira, desta vez escolhendo os samurais, o Kyuzo (Gustavo), o Gorobei (Luiz) e o Heihachi (eu) conseguiram lidar bem com as ameaças e tinham uma chance razoável de resistir à terceira onda, porém o Kyuzo acabou caindo e os dois restantes não foram capazes de suportar a pressão, e os invasores conseguiram destruir a vila. Três derrotas.

- Ra (Luiz, Gustavo e eu) - partida de aprendizado dos dois. O Gustavo manteve-se firme na disputa pela maior linhagem de faraós a partir da segunda Era e ampliava seus diferentes monumentos, além de estar preciso em seus chamados por Ra, para os leilões. O Luiz era quem disputava com o Gustavo nos faraós, porém, um pouco mais perdido na partida, ia buscando as melhores oportunidades, sem um objetivo definido. Eu fui o maior faraó na primeira Era, mas saí da luta, dedicando-me mais a civilizações e plantações no Nilo - e o Gustavo impediu, com a ajuda de um Deus, que tanto o Luiz quanto eu tivéssemos chance de ter uma enchente para pontuar nossas plantações. Na primeira Era eu fui melhor, e na segunda o domínio foi do Gustavo, ao custo de uma terceira Era claudicante, com peças de sol de valores baixos - e eu, ao contrário, tinha três altas. O Luiz poderia colocar alguma pressão em meus lances com o 12 que ele tinha (o mais alto era o 13, que estava comigo), mas ele acabou não fazendo isso, o que me deu mais controle em minhas aquisições. Acabei ficando sozinho na rodada, porém não me aproveitei disso, pois o Ra encerrou a Era antes. Mesmo assim, com uma alta pontuação pelas plantações e pela maior soma de sóis, fiquei na frente, com 49 pontos, contra 39 do Gustavo, que apesar do conjunto completo de monumentos, rendendo-lhe 15 pontos, perdeu 5 pela menor soma de sóis.

- Love Letter (Gustavo, Luiz, Rafael Lodi e eu) - jogamos no original, com o cretino do Ministro pairando como uma ameaça sobre todos - ou quase, pois calhou só do Gustavo (3x) e eu (2x) sermos eliminados por esse safado. O começo foi ruim para mim, sendo perseguido pelo Luiz, e estava com zero quando todos os demais já tinha vencido duas rodadas. Porém, recuperei-me e cheguei a ficar com 3 vitórias, junto ao Lodi. Aí o Ministro, que estava de boa comigo até então, resolveu que não gostava da minha proximidade da princesa, e me eliminou duas vezes. Ainda assim, chegamos todos a 3 vitórias, com o Gustavo com um grande retorno, após seus perrengues contínuos com o Ministro. E calhou dele sair-se vencedor, conquistando o coração da princesa, ao eliminar o Luiz.

- Merchant of Venus (second edition) (Rafael Lodi, Luiz, Hélio e eu) - há tempos tinha curiosidade de conhecer esse jogo e a oportunidade chegou. É um jogo mole demais para jogar: descubra planetas, pegue (e pague por) mercadorias ou passageiros, e leve de um local para um que queira o produto ou seja o destino do passageiro - rola-se dados para o movimento - normalmente 3, mas há uma nave mais rápida, a Clipper, que rola 4, e uma mais lenta, a Freighter, que leva mais carga, porém move pela soma de dois dados. Receba seus dinheiro. Faça isso continuamente tentando ser o primeiro a chegar em 2000 dinheiros. Há mais detalhes: definir rotas, revelar pontos escondidos, construir fábricas e estações de comércio, mas tudo é simples e orgânico - e ocupam 10% do jogo. Os outros 90% são pegar coisas de um ponto e levar a outro. Certos locais têm mais demanda por determinados produtos e cabe aos jogadores definir as melhores rotas para aproveitar mais cada produto e cada movimento.

Porém, o jogo mostra a idade que tem. A partida é uma longa repetição, sem a efetiva mudança no jogo e, pior, ele começa mais interessante - revelando planetas, e daí vira para um contínuo mais do mesmo. Ademais, a interação entre os jogadores é ínfima, ficando só no "vender antes que ele venda". Há a possibilidade de trocas, quando as naves encontram-se, mas raramente haverá qualquer troca, pois é quase certo que qualquer produto que você esteja levando já esteja para você determinado onde ele será entregue e faça parte da rota que você está fazendo e pegar outra coisa no meio, dificilmente será de interesse. Em nossa partida, apesar de jogarmos em 4 pessoas e encontros ocorrerem com frequência razoável, houve zero troca. E, além disso, há uma boa chance de um líder disparado. Não há efetivamente como afetar o jogo do outro, então, se a pessoa, após encaixar uma sequência de bons negócios, disparar, a chance é que você já tinha perdido. Se alguém abrir 200, 300 de dinheiro, provavelmente já eras. Pois os produtos tem valores fechados e mesmos os mais desejados não irão render tanto mais. Não há, por exemplos, contratos de alto risco, com altíssimo pagamento, e outros de baixo risco, que pagam menos. Nesse caso, seria possível arriscar e tentar virar a coisa.

Enfim, o Merchant of Venus (second edition) é, no original, mais longo, com menos opções e menos legal do que o Firefly: The Game, que é amplamente superior. Agora, o Lodi comentou sobre as mudanças para a versão nova do jogo, que pareceu-me bem melhor, mais rica em opções - foi uma pena ter ido no original. Não que a partida em si tenha sido ruim, pois é um jogo tão tranquilo, relaxado, que seu andamento foi aprazível.

Na partida, por sinal, o Luiz, com os Eeepeeep, saiu na frente, fazendo excelentes vendas. O Lodi revelou dois espaços de alto custo para se mover, quase falindo na primeira rodada e perdeu o ritmo da partida logo de cara, pois faltava-lhe dinheiro (até porque ele continuava insistindo em perder dinheiro nas rotas que fazia) para melhorias na nave e para adquirir os produtos mais valiosos. O Hélio... não sei - ele fazia entregas, sem pegar muitos bônus, e apesar de ter a Clipper, e ainda com o motor especial de duas cores, que em tese lhe permitiria atravessar o tabuleiro num turno, ele acabava mais é travado e indo aonde não queria. Eu, cedo, mudei minha nave da Scout podre para a Transport, que acomoda uma carga a mais, e apesar de ter iniciado no lado esquerdo do tabuleiro, foi no direito que fiz fortuna - não muito uma surpresa, pois é lá que ficava meu planeta natal: a Terra Poluída, lar dos humanos (parece brincadeira, mas calhou dos Humanos aleatoriamente saírem no Planeta Poluído!). Em meu planeta fiz uma entrega de lixo por $200, fiz uma fábrica e uma estação, e fui vender seus produtos no sistema logo acima, onde a sorte jogou-me no colo um passageiro, para entregar justamente no meu lar! Voltei, fiz mais negócios, atravessei o cosmos por um buraco de minhoca, onde fiz duas vendas de alto valor e cheguei aos $2000 dinheiros com uma venda de brinquedos após cruzar o espaço, levando ainda mais um passageiro (entreguei 3 deles durante o jogo). Esmaguei o pessoal, pois enquanto eles saracoteavam pelo espaço, com seus Clippers, levando uma mísera carga, eu levava 3. A partida durou umas 3h30.

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5913
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 12/fevereiro

Mensagem por Gustavo em Seg Fev 15, 2016 8:40 pm

Versão resumida do que joguei:

0. Grande noite de jogos!
1. 8 Minutes Empire legends - um mundo de distância melhor que o não legends.
2. Love Letter - maldito Ministro! Mas o Palhaço é o cara...
3. Samurai Spirit... que surra! Mas curti o jogo.
4. Ra - que jogão... mas que beleza... incrível!

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville

avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1627
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 12/fevereiro

Mensagem por Helio em Ter Fev 23, 2016 8:54 am

Já faz um tempo, mas não posso deixar em branco.

- 7 Wonders Duel x2 (Rafael Lodi e eu)
Minha estreia nesse jogo. 
Indo contra a maré, acabei vencendo as 2 partidas da noite, uma por militar e a outra por pontos.

- Merchant of Venus - O Perretto já fez esse relato.

________________________________________________
No turning back.

avatar
Helio
Battlestar Galactica
Battlestar Galactica

Mensagens : 386
Data de inscrição : 14/07/2014
Idade : 37
Localização : Araucária/PR

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 12/fevereiro

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum