Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por rapha.ligmanovski em Qua Out 07, 2015 12:07 pm

O jogo em homenagem a Týr deixou Freya com inveja, por isso, na sexta, nos reunimos de novo para outra jogatina. Dessa vez a mulherada ficou falando mal da gente na sala de estar enquanto a gente matava aranhas, orcs e goblins na sala de jantar. As vantagens de tê-las por perto são inúmeras: abastecimento de cerveja e salgadinhos infinito e a certeza de que os Ricardões não estão compartilhando as suas tão suadas benesses (LOL). O grupo foi o mesmo de terça, logo, eu, Davi e Filipe controlamos os heróis de Senhor dos Anéis versão card game Gandalf .
 
O jogo: Senhor dos Anéis é um deck building cooperativo baseado em turnos, para 1-N jogadores Friends  (as regras escalam bem com a quantidade de jogadores, então não há limites para quantos jogadores). O jogo base permite a criação de dois decks bem equilibrados e as expansões, além de trazer novas missões e desafios, permitem a criação de novos decks ou o reforço dos já existentes. No nosso caso, além do jogo base, tínhamos à disposição as expansões de saga O Hobbit: montanha acima, montanha adentro e Khazad-dum e a expansão pequena A caçada por Gollum. Além disso, contamos com o erro de impressão da primeira versão do Hobbit que fez com que a Galápagos enviasse uma segunda cópia quase completa da saga. Isso permitiu que montássemos 4 decks bastante competitivos e divertidos – no nosso grupo de jogo prezamos muito pelo equilíbrio em todos os jogos, então, em todos os jogos de deck building ou flee building (X-wing) sempre compartilhamos os recursos afim de balancear as condições de vitória Pódio . Cada deck conta com três heróis do universo Senhor dos Anéis e pelo menos 50 cartas formando o deck de jogador. No centro da mesa são colocados os baralhos de encontro, o baralho de missões e as localizações e inimigos. Finalizando a formação da mesa de jogo, os inimigos atacando os jogadores são colocados diante dos jogadores.
 
Primeiras impressões: apesar das cartas serem produzidas por vários artistas a direção de arte executou um ótimo trabalho mantendo a estética, riqueza de detalhes e capricho na arte de todas as cartas, o que me chamou muito a atenção – outros card games como Legendo of Five Rings chegam a dar raiva quando você se vê obrigado a colocar uma carta que parece ter sido feita pelo seu sobrinho, com um desenho horrível, mas um ótimo efeito. A caixa sem insert original atrapalha na hora de organizar os decks de jogadores e das missões, o setup inicial que poderia ser bem tranquilo acaba consumindo mais tempo, enquanto você procura pelos conjuntos adequados de cartas para a missão escolhida. Além disso, por causa do turno dividido em 7 etapas a ausência de player-aid incomoda bastante e prejudica jogadores iniciantes. Por conta disso, acabei baixando e imprimindo playr-aids para resolver essa questão. Por fim, para quem gosta do universo de O Senhor dos Anéis nas cartas há várias referências a passagens e trechos dos livros, vale a pena observar os easter-eggs .
 
Regras: bom, como todo card game a mecânica do jogo é bastante simples, o que dinamiza e complica são os efeitos de cartas que exigem condições, requisitos e janelas específicas para serem jogadas. Como falei anteriormente, o turno é dividido em 7 etapas: 1) compras, onde cada jogador compra uma carta do seu baralho, 2) planejamento, que é a hora para se trazer os reforços e equipar seus heróis com equipamentos, 3) missão, assinalam-se os heróis e personagens que vão enfrentar os perigos afim de avançar na missão da qual foram encarregados, 4) viagem, assim que o resultado da missão é calculado (sucesso ou fracasso perante as hordas do mal) o jogador inicial escolhe se irão viajar para alguma localização em jogo, 5) encontro, verifica-se se os jogadores desejam enfrentar os inimigos, depois verifica-se se os inimigos se sentiram ameaçados pelos jogadores e irão se engajar em combate, 6) combate, os inimigos recebem seus bônus e efeitos de ataque (Efeito Sombrio da carta vinda do deck de encontros distribuída para os inimigos) e realizam seus ataques aos defensores assinalados pelo jogador, na sequência o jogador assinala personagens para atacar as criaturas engajadas a ele, por fim, 7) preparação os personagens e heróis usados em missão ou combate são colocados na posição de preparado e os jogadores aumentam em 1 seu nível de ameaça. O turno recomeça na etapa 1.
Condições de vitória: os jogadores vencem a partida se completarem o baralho de missões sem perder todos os seus heróis e mantiverem seu nível de ameaça abaixo de 50 pontos. Do contrário a vitória será se Sauron e seus lacaios do mal. Os jogadores que perderem seus três heróis ou atingirem 50 ou mais de ameaça são eliminados da partida e os demais podem continuar até que a missão seja concluída ou não restem jogadores.
 
As partidas: novamente repetimos a formação, contei com a cooperação de dois amigos: Filipe e Davi. Cansado de perseguir zumbis com a dona de casa machona Filipe optou pelo deck de liderança e espírito com os heróis Aragorn, Eówyn e Theódred, como as expectativas do Davi de ser o mais agressivo na caça aos zumbis não foram nem de perto atingidas, dessa vez ele foi mais certeiro, encarnou o controle dos anões com Gimli Gimli , Thálin e Glóin num deck de tática e liderança. E eu, mantendo meu espírito de controlar cheer-leader, fiquei, é claro, com Légolas Legolas , Beorn e Bifur, um deck de tática e espírito. Escolhemos as missões do jogo base como nosso desafio. Nesse caso a primeira missão que encaramos foi a assustadora floresta repleta de aranhas. Já nos primeiros turnos eu e o Davi percebemos que o Filipe portava algum tipo de aracnofobia, pois apesar de possuir o deck mais preparado para realizar a fase de missões, insistia em assinalar os heróis para outras atividades – observar a paisagem e gritar que nem mulherzinha diante das ameaças. Precisamos da primeira missão inteira e um fracasso na segunda para que Filipe e seus heróis contivessem os seus medos e receios Poker  e confiassem a Gimli e Légolas Gimli Legolas  a responsabilidade de acabar com a ameaça dos inimigos e a Aragorn a responsabilidade de nos guiar para o fim das missões. Já mais sonolentos, mas agora jogando os três (realmente assim que deixamos as aranhas para trás o Filipe passou a jogar bem mais confiante, o que reforçou a tese da aracnofobia). Encaramos a missão que é considerada uma das mais difíceis do jogo, ou seja, Fuga de Dol-Guldur. Nessa missão os jogadores começam com um herói sendo capturado. Para isso todos os heróis são embaralhados e um deles é escolhido aleatoriamente. No nosso caso, perdemos Thálin, o que prejudicou um pouco o jogo do Davi, mas felizmente não a partida. Dessa vez o baralho e o Filipe brilharam ! Conseguiu juntar quantidades absurdas de força de vontade, recurso necessário para completar as missões e conseguimos sem muito trabalho completar a missão e vencer a partida. O que até hoje ainda é discussão entre nós é se o Filipe tem medo de aranhas ou confundiu o universo com Dragon Ball Z e ficou fazendo uma Genkidama desde o início do jogo lol! .
 

Considerações finais: as 4 partidas (as três missões mais o fracasso em uma delas) gastaram 4 horas. O Davi era novato no jogo, mas já tinha experiência com outros card games. Além disso não otimizamos os baralhos para a missão, o que costuma ser de praxe. Provavelmente tentaremos mudar os pilotos dos decks, pois o playstyle do deck de missões (Aragorn, Eówyn, Theódred) não agradou ao Filipe. Nesse caso a solução mais trabalhosa é aumentar a agressividade desse deck, ou simplesmente deixa-lo com outro jogador. Estou devendo uma partida dessa com o André e senti falta de um quarto elemento pra pilotar o nosso outro deck.
avatar
rapha.ligmanovski
Super Trunfo
Super Trunfo

Mensagens : 21
Data de inscrição : 25/09/2015
Idade : 35
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por tiagovip em Qua Out 07, 2015 12:49 pm

O loco, fugir de Dol Goldur de primeira é tenso, hein? Parabéns! Mas é de se esperar que perder 1 herói entre 9 seja bem menos impactante do que perder 1 de 3 ou 1 de 6. Recomendo tentá-la de novo nessas condições, para sentir melhor a tensão da coisa.

Sobre acomodar o jogo e expansões na caixa básica, há soluções:







________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5926
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por rapha.ligmanovski em Qua Out 07, 2015 5:44 pm

Essa última opção, você sabe onde consigo encontrar? Pareceu-me a melhor, já que organiza os baralhos de encontro que são os chatos de encontrar. Dol-Guldur em 2 é muuuuuuito mais tenso mesmo, você tem razão. Em três demos sorte de perder o Thálin, que apesar de essencial nas outras missões não é tão relevante na última. Se perdêssemos a Éowyn era falha na certa, o mesmo para Beorn, Légolas, Aragorn e Gimli... hehehe só Téodred, Bifur e Thálin eram dispensáveis... kkkkkk Costumo testar os decks em Dol-GUldur, geralmente é surra, mas apanhar fortalece o ser.
avatar
rapha.ligmanovski
Super Trunfo
Super Trunfo

Mensagens : 21
Data de inscrição : 25/09/2015
Idade : 35
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por tiagovip em Qua Out 07, 2015 6:48 pm

Se não me engano as divisórias são essas aqui:

https://boardgamegeek.com/filepage/76256/geckoths-lotr-dividers

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5926
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por doizinho em Qui Out 08, 2015 9:29 am

Legal.

Pelo que entendi você tem a versão da Galápagos, certo? Se for assim, eu o parabenizo pois é difícil fazer 3 decks multi-esferas eficientes com poucas cartas.

Fugir de Dol Guldur em 3 pessoas deve ser bem menos complicado mesmo, perder 1 em 9 é bem melhor do que perder 1 em 6. Assim mesmo não deve ser fácil, pois é um cenário bem chatinho.

Recomendo agora que você jogue tudo novamente, mas apenas em 2. Você vai ver como a experiência melhora assim.

________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3135
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por rapha.ligmanovski em Qui Out 08, 2015 9:38 am

@tiagovip escreveu:Se não me engano as divisórias são essas aqui:

https://boardgamegeek.com/filepage/76256/geckoths-lotr-dividers

Abs,

Ótima dica Tiagão! Já mandei imprimir a última versão, assim já tenho as divisórias para as futuras expansões!

Abraços
avatar
rapha.ligmanovski
Super Trunfo
Super Trunfo

Mensagens : 21
Data de inscrição : 25/09/2015
Idade : 35
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por rapha.ligmanovski em Qui Out 08, 2015 9:39 am

@doizinho escreveu:Legal.

Pelo que entendi você tem a versão da Galápagos, certo? Se for assim, eu o parabenizo pois é difícil fazer 3 decks multi-esferas eficientes com poucas cartas.

Fugir de Dol Guldur em 3 pessoas deve ser bem menos complicado mesmo, perder 1 em 9 é bem melhor do que perder 1 em 6. Assim mesmo não deve ser fácil, pois é um cenário bem chatinho.

Recomendo agora que você jogue tudo novamente, mas apenas em 2. Você vai ver como a experiência melhora assim.
Concordo plenamente! Já apanhei várias vezes em Dol-Guldur, geralmente vencemos 1 em 3 partidas. Costumamos fazer como aventura mesmo, aí se falhamos em Dol-Guldur, voltamos para a Floresta das Aranhas.

Abraços
avatar
rapha.ligmanovski
Super Trunfo
Super Trunfo

Mensagens : 21
Data de inscrição : 25/09/2015
Idade : 35
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por doizinho em Qui Out 08, 2015 9:49 am

@rapha.ligmanovski escreveu:
@doizinho escreveu:Legal.

Pelo que entendi você tem a versão da Galápagos, certo? Se for assim, eu o parabenizo pois é difícil fazer 3 decks multi-esferas eficientes com poucas cartas.

Fugir de Dol Guldur em 3 pessoas deve ser bem menos complicado mesmo, perder 1 em 9 é bem melhor do que perder 1 em 6. Assim mesmo não deve ser fácil, pois é um cenário bem chatinho.

Recomendo agora que você jogue tudo novamente, mas apenas em 2. Você vai ver como a experiência melhora assim.
Concordo plenamente! Já apanhei várias vezes em Dol-Guldur, geralmente vencemos 1 em 3 partidas. Costumamos fazer como aventura mesmo, aí se falhamos em Dol-Guldur, voltamos para a Floresta das Aranhas.

Abraços
Esse modo de jogar é o expert, em que se soma os pontos dos 3 cenários do base. Acho que valeria a pena você tentar encontrar pelo menos mais as 2 expansões do Hobbit, elas sim possuem um modo campanha bem legal, com tesouros e conquistas.

________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3135
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Matando aranhas, orcs e goblin em homenagem à Freya: sexta de O Senhor dos Anéis: card game

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum