Sexta - 21/agosto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sexta - 21/agosto

Mensagem por tiagovip em Sab Ago 22, 2015 8:26 pm

Olá, pessoas!

Tentei como pude só deixar o Fórmula D brilhar nessa sexta, mas alguns jogos passaram pelas vielas:

Agricola: Farmers of the Moor (Jorge e eu) - este, ao menos, ocorreu durante a tarde. O Jorge me apresentou a expansão, que basicamente adiciona fazendas diferenciadas inicialmente, cavalos, 2 cartas extras de ações que não usam trabalhadores (só o turno da pessoa, então troca-se a precedência de alguma ação no tabuleiro pela das cartas adicionais), algumas cartas que Aprimoramentos Maiores que ficam abaixo das usuais, aparecendo só quando a de cima é feita, e a necessidade de aquecer as casas.

Se o Agricola normal onde só alimentar já é trabalhoso, ter ainda que aquecer (ou perder trabalhadores para a próxima rodada) parecia cruel e o início do jogo reforçou isso - estávamos saltando de um lado a outro tentando manter tudo equilibrado, e o Jorge no limite, tendo até 1 trabalhador enviado ao hospital. Porém, com o andamento do jogo, vimos que sim há dificuldade adicional, contudo o efeito das duas cartas extras supera esse problema e, no final das contas, a expansão deixa mesmo o jogo mais fácil, sendo mais tranquilo para os jogadores obter madeira e campos arados. Aquecer se fosse só com os marcadores de fogo poderia dar algum trabalho, todavia madeira pode ser utilizada e, como consegue-se mais madeira que o normal, fica tudo de boa.

Minha fazenda no começo:




A dificuldade que sentíamos vinha mesmo do nossos baralhos, pois usamos as cartas dos baralhos complexos, então as sinergias entre as cartas eram complicadas de obter e seus requisitos exigentes. Eu tive uma vantagem inicial, conseguindo animais diferentes e preparando pastos, e principalmente quando veio a preparadora de schnapps, que fazia meus trabalhadores resistirem à fome na base do aguardente. Achei que tinha uma boa vantagem, com o Jorge tendo que constantemente sacrificar animais para obter os alimentos necessários, contudo na reta final eles fez boas escolhas, construiu bons aprimoramentos e seu investimento em cavalos (cada um vale 1 ponto, sem limite) era enorme. Eu certamente errei em meu investimento em estábulos, provavelmente não precisando fazer 3 deles, pois cheguei em quantidades de animais que não rendiam mais do que ter menos (por exemplo, 3 ou 4 porcos valem igual). O resultado foi apertado, com vitória do Jorge por 55 a 53.

Minha fazenda ao final:




Já na HM:

Cthulhu Fluxx x2 (Jorge e eu) - foram duas partidas. A primeira foi certamente a mais rápida que já tive: durou 3 turnos. Eu joguei, colocando o Sanatório na mesa. O Jorge jogou, mudando a regra para Play 4 e colocando o objetivo do Checking Inn (que exige a Socialite e o Sanatório). Na mão eu tinha a Socialite, que abaixei na minha vez para vencer. A segunda durou mais, ainda que também tenha sido ligeira. Com algumas cartas safadas, pus o Jorge numa situação difícil: sem cartas nas mãos, ele comprava uma e jogava esta, sem opção. Ele tinha dois keepers na mesa: o Reanimator e a Tumba, e só. Eu estava totalmente seguro da minha vantagem, pois em mãos eu tinha justamente o objetivo - o Mercado de Carne - que usava esse dois keepers, e claro, não o usaria. Só que aí o Jorge comprou e revelou a carta Play All! Sem opção de mudar a regra, vi-me obrigado a jogar o objetivo que dava a vitória ao Jorge.

Fairy Tale (Osmar, Jorge e eu) - acreditei que o Osmar entendia o conceito e maneira de jogar de jogos de draft, considerando que ele mesmo trouxera o Sushi Go e já deveria ter jogado o 7 Wonders. Mas, claro, coloquei em muita alta conta, pois logo na segunda rodada do jogo, ele passou duas cartas fenomenais à estratégia do Jorge (soldados humanos - cada 1 aumenta o valor de todos os soldados em 1), sem notar. Eu ainda fiz um jogo bom, atuando entre bloquear e pontuar, tendo cumprido dois objetivos únicos e feito o Jorge perder um objetivo das cartas da Sombra, e ainda ter de virar uma carta de Fada que lhe rendia 6 pontos. Todavia não consegui tirar toda a diferença, até porque outras escolhas do Jorge lhe renderam bem. Então, no final, vitória do Jorge com 55 pontos, contra meus 53 (notei depois que foi a mesma pontuação do Agricola!).

TransAmerica (Gustavo, Rafaelfo, Jorge, Osmar e eu) - estreia do Rafael e do Gustavo, o que em nada importou, pois os dois controlaram a partida desde o começo. O jogo foi sempre uma guerra de nervos e de conexões canalhas. Na primeira rodada, o Rafael foi que conectou primeiro as 5 cidades, contudo o Jorge, o Gustavo e o Osmar estavam todos a só 1 espaço de completar suas rotas - só eu me danei estando a 5 de distância. Na segunda rodada quem completou foi o Gustavo, só que, novamente, o Rafael e o Jorge estavam próximos e os três estavam quase com a mesma pontuação. O Osmar aproximou-se de mim na rabeira. Na terceira rodada, o conector foi o Jorge, e eu me quase cheguei lá. Aqui a diferença entre os três primeiros era de 1 ponto. O Osmar finalmente igualou-se a mim. Na rodada final, o Rafael usou algum truque mental muito dos potentes que fez todos jogarem por ele, e completou a conexão de suas 5 cidades enquanto o mais próximo de realizar o mesmo ainda estava a 5 de distância! Eu estava ainda a 8, e fiquei em último, com -5 pontos. O Rafael venceu, com 9 pontos, seguido pelo Gustavo, com 5, e pelo Jorge, com 4.

Cthulhu Fluxx (Kelly, Gabriel e eu) - outra partida rápida. A Kelly e eu ficamos trocando efeitos de roubar cartas. Eu só tinha 1 keeper - o Herbet West - enquanto a Kelly tinha 3 e o Gabriel 2 e mais 3 creepers, sendo um deles o Cadáver. O Gabriel jogou uma carta que fez todos descartarem um keeper investigador, e lá foi meu Reanimator, só que eu tinha uma carta que fazia eu pegar uma carta do descarte e peguei o Herbert de volta, pois a vitória estava ao meu alcance se nada muito cretino ocorresse. Como assim foi, em meu próximo turno, usei o efeito do Herbert para roubar o Cadáver e baixei o objetivo Herbert West, o Reanimator, que exigia o dito Herbert e o Cadáver. Assim, venci a partida.

Cults Across America (Abel, Santiago, Eduardo e eu) - mais detalhes depois.

Gloom (André, Jorge, Leonardo e eu) - ah, que terríveis histórias. O cachorro Baltazar, que foi atacado por mendigos ao tentar roubar ossos de um cemitério, para depois encontrar o amor ao casar com uma lobismulher. O Willem Stark, o ajudante perturbado, que casou-se com uma sereia, teve como filho um monstro com tentáculos, foi preso pelo FBI e entregou sua esposa e filhos para poder sair livre, para morrer bêbado e na obscuridade. E os Gêmeos, que foram presos num poço pelo mordomo, sendo que este mordomo, depois de morrer num grave acidente, passou a assombrar a casa. A lady Bumpersnoot, que devorou muitos em seu caminho até chegar a uma morte grotesca. Bopobodingo, o ídolo adolescente, que apesar dos conselhos, não sabia dançar e caiu em desgraça, com até os tigres rindo dele. Rascal, o símio sinistro, que ficou preso num trem com crianças, incapaz de fugir, e foi apertado até morrer sufocado.

Rosseau, o pintor retalhado, que supôs ter encontrado o amor num lago e ficado louco ao luar, ao ouvir sobre um culto submarino em nome de uma criatura de pesadelo chamada Cthulhu, para descobrir ser tudo um sonho febril. Abalado, viu que estava em Sleepy Hollow, nome apropriado para o ocorrido. Entristecido, seguiu para as névoas, para desaparecer... até ir aonde não devia: ao acampamento de pigmeus, onde foi atacado e cozinhado no ensopado. Marie Delacroix, a modelo mal-entendida, querendo sair daqueles círculos que não a entendiam, foi fazer um safári na África, porém, o clima lhe foi inclemente e ela acabou perdendo-se, para nunca mais ser vista. Simon Simone, o ator andrógino, que foi preso e condenado por crime sexual ao ser pego no banheiro feminino; mesmo assim, deu a volta por cima, ao adquirir como amigo um corvo, que lhe falava coisas e era muito bem visto na cidade, sendo o corvo o símbolo da cidade. Simone elegeu-se a um cargo público, sendo o mais querido do parlamento. Porém sua sorte acabou quando foi fazer campanha na parte ruim da cidade - ali foi roubado por pivetes, e quando foi reclamar com os pais desses para que lhe devolvessem as posses e punissem os filhos, descobriu que os pais eram muito piores que os filhos e foi comido vivo pelos patriarcas. Finalmente, um conto de alegria e superação: James DeWinter, acompanhando sua irmã Marie, ao safári, também viu-se em problemas, quando aproximou-se demais dos leões. Foi perseguido e, para não morrer, pulou no mar, e foi prontamente atacado por tubarões. James estava morto... Se ele fosse outra pessoa! Mas James tinha mais fibra, e mesmo com suas pernas comidas, enfrentou os tubarões e se ia morrer, levaria ambos com ele! E foi o que ele fez... Mas não só isso! Sobrevivendo inesperadamente ao conflito, foi levado pelas ondas para a praia, onde escaravelhos o perseguiram, incentivados pelo odor de seus múltiplos ferimentos. Sem poder correr, por não ter mais pernas abaixo dos joelhos, James arrastou-se para a morte... Só que a morte não tinha o endereço de James, que foi resgatado por um Xeique, tratado, jantou com o Xeique e tornou-se o mais querido do sultanato. James, o sobrevivente!

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6013
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por Reffip em Sab Ago 22, 2015 9:37 pm

@tiagovip escreveu:
Fairy Tale (Osmar, Jorge e eu) - acreditei que o Osmar entendia o conceito e maneira de jogar de jogos de draft, Mas, claro, coloquei em muita alta conta

Sinto muito não atender suas expectativas. Foi só uma questão de ordem de jogo, se eu tivesse passado as cartas boas para você, estaria tudo bem. Nem todos lidam da mesma maneira com a derrota, não é? Smile
O bacana foi que com o seu alerta, eu levantei a cabeça das minhas próprias mãos e tomei mais cuidado, o que afetou um pouco mais o seu jogo.
De toda forma é um jogo divertido, muitas possibilidades de combo e realmente tive dificuldade para ordenar as coisas numa partida em que eu era o único que não sabia o jogo, e os outros dois eram Jorge e o Perreto. 

O transamerica foi bem bacana também. Minha outra experiencia foi numa partida bastante pacífica, lembro que o Perreto precisava avisar o pessoal que eles poderiam usar as peças exclusivas também, mas todo mundo seguiu no paz e amor, e eu acabei vencendo. Já na partida de ontem, a galera transformou em wargame. Na maioria das oportunidades já colocavam um trilho exclusivo na alocação inicial. Eu fui bem na primeira rodada jogando da maneira padrão, mas tentei fazer coisas diferentes nas seguintes (escolhendo posições iniciais mais arriscadas) e foram erros que cobraram seu preço, me deixando em último, junto com o Perreto.
Este jogo é sensacional.

E além disso participei do Formula D, aguardo o relato jornalistico. Mas digo já que fiquei em terceiro, mesmo sendo o último! O importante era chegar! hahaha

Foi isso, até a próxima!

________________________________________________
plus ça change plus c'est la même chose...

-----------------------------------------
avatar
Reffip
Power Grid
Power Grid

Mensagens : 658
Data de inscrição : 16/07/2014
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por tiagovip em Sab Ago 22, 2015 10:27 pm

@Reffip escreveu:
@tiagovip escreveu:
Fairy Tale (Osmar, Jorge e eu) - acreditei que o Osmar entendia o conceito e maneira de jogar de jogos de draft, Mas, claro, coloquei em muita alta conta

Sinto muito não atender suas expectativas. Foi só uma questão de ordem de jogo, se eu tivesse passado as cartas boas para você, estaria tudo bem. Nem todos lidam da mesma maneira com a derrota, não é? Smile

Bem, não, mas certamente menos pior! Twisted Evil


@Reffip escreveu:O bacana foi que com o seu alerta, eu levantei a cabeça das minhas próprias mãos e tomei mais cuidado, o que afetou um pouco mais o seu jogo.
De toda forma é um jogo divertido, muitas possibilidades de combo e realmente tive dificuldade para ordenar as coisas numa partida em que eu era o único que não sabia o jogo, e os outros dois eram Jorge e o Perreto. 

Eu gosto bastante do jogo, mas é preciso dizer que a iconografia não ajuda quem desconhece o jogo, ainda mais na nova arte. A arte anterior é mais feia, mas os ícones são mais claros e há informação escrita.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6013
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por Rafaelfo em Dom Ago 23, 2015 10:00 am

@Reffip escreveu:
O transamerica(...)
Este jogo é sensacional.
Achei muito bom também!

@Reffip escreveu:
E além disso participei do Formula D, aguardo o relato jornalistico. Mas digo já que fiquei em terceiro, mesmo sendo o último! O importante era chegar! hahaha
Ahauahuahuahauahu. E ainda ficou lá de butuca, sem se arriscar, realmente esperando a galera quebrar.

________________________________________________
avatar
Rafaelfo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1809
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.sommastudio.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por Rafaelfo em Dom Ago 23, 2015 10:05 am

@tiagovip escreveu:
TransAmerica (Gustavo, Rafaelfo, Jorge, Osmar e eu) - estreia do Rafael e do Gustavo, o que em nada importou, pois os dois controlaram a partida desde o começo. O jogo foi sempre uma guerra de nervos e de conexões canalhas. Na primeira rodada, o Rafael foi que conectou primeiro as 5 cidades, contudo o Jorge, o Gustavo e o Osmar estavam todos a só 1 espaço de completar suas rotas - só eu me danei estando a 5 de distância. Na segunda rodada quem completou foi o Gustavo, só que, novamente, o Rafael e o Jorge estavam próximos e os três estavam quase com a mesma pontuação. O Osmar aproximou-se de mim na rabeira. Na terceira rodada, o conector foi o Jorge, e eu me quase cheguei lá. Aqui a diferença entre os três primeiros era de 1 ponto. O Osmar finalmente igualou-se a mim. Na rodada final, o Rafael usou algum truque mental muito dos potentes que fez todos jogarem por ele, e completou a conexão de suas 5 cidades enquanto o mais próximo de realizar o mesmo ainda estava a 5 de distância! Eu estava ainda a 8, e fiquei em último, com -5 pontos. O Rafael venceu, com 9 pontos, seguido pelo Gustavo, com 5, e pelo Jorge, com 4.
Fiquei feliz em ter conhecido este jogo. Em um dia marcado pelo Formula D, este bônus foi bem vindo. Pelo que vocês falaram, no jogo base não tem essas rotas coloridas, e assim acho que o jogo deve ficar bem mais fraco.
Dei sorte nas minhas rotas da primeira e terceira rodadas e, realmente, na última rodada as colocações das rotas de vocês me deixavam feliz a cada movimento, hauahuahauahua. Bem legal, topo jogar mais vezes (se der pra levar ele lá no Marcelo hoje seria uma boa!)

________________________________________________
avatar
Rafaelfo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1809
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.sommastudio.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por tiagovip em Dom Ago 23, 2015 11:58 pm

@Rafaelfo escreveu:
@tiagovip escreveu:
TransAmerica (Gustavo, Rafaelfo, Jorge, Osmar e eu) - estreia do Rafael e do Gustavo, o que em nada importou, pois os dois controlaram a partida desde o começo. O jogo foi sempre uma guerra de nervos e de conexões canalhas. Na primeira rodada, o Rafael foi que conectou primeiro as 5 cidades, contudo o Jorge, o Gustavo e o Osmar estavam todos a só 1 espaço de completar suas rotas - só eu me danei estando a 5 de distância. Na segunda rodada quem completou foi o Gustavo, só que, novamente, o Rafael e o Jorge estavam próximos e os três estavam quase com a mesma pontuação. O Osmar aproximou-se de mim na rabeira. Na terceira rodada, o conector foi o Jorge, e eu me quase cheguei lá. Aqui a diferença entre os três primeiros era de 1 ponto. O Osmar finalmente igualou-se a mim. Na rodada final, o Rafael usou algum truque mental muito dos potentes que fez todos jogarem por ele, e completou a conexão de suas 5 cidades enquanto o mais próximo de realizar o mesmo ainda estava a 5 de distância! Eu estava ainda a 8, e fiquei em último, com -5 pontos. O Rafael venceu, com 9 pontos, seguido pelo Gustavo, com 5, e pelo Jorge, com 4.
Fiquei feliz em ter conhecido este jogo. Em um dia marcado pelo Formula D, este bônus foi bem vindo. Pelo que vocês falaram, no jogo base não tem essas rotas coloridas, e assim acho que o jogo deve ficar bem mais fraco.
Dei sorte nas minhas rotas da primeira e terceira rodadas e, realmente, na última rodada as colocações das rotas de vocês me deixavam feliz a cada movimento, hauahuahauahua. Bem legal, topo jogar mais vezes (se der pra levar ele lá no Marcelo hoje seria uma boa!)

Sua sorte é vivermos em tempos mais modernos, ou teria prontamente lhe acusado de bruxaria para cima de nós!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6013
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por doizinho em Seg Ago 24, 2015 2:51 pm


________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3185
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por Soar em Seg Ago 24, 2015 10:14 pm

Nesta sexta joguei:

X-Wing (x3) - continuo sem conseguir montar um bom time Rebelde, joguei a primeira partida com eles e perdi dos Scum do Ramon, na segunda fui de Império com 2 Interceptores e uma Bomber e venci e por fim joguei com o Alex com minha Decimator e uma Phanton e venci também



Colt Express (x2)
joguei com dois grupos de pessoas diferentes, na primeira partida em três jogadores levei El Tuco ao topo dos bandidos mais procurados do Oeste e na segunda em quatro jogadores, fiquei a 50 dólares de vencer.



Abrax

________________________________________________
"We Are the Borg. You Will be Assimilated. Resistance is Futile"
 
avatar
Soar
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1807
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 45
Localização : Kronnos 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sexta - 21/agosto

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum