Quarta - 05/agosto

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Quarta - 05/agosto

Mensagem por tiagovip em Qui Ago 06, 2015 5:01 pm

Olá, pessoas!

Ontem iríamos começar a campanha do Robinson Crusoe, mas sem as regras lidas, acabamos decidindo por jogar os cenários do jogo base antes de seguir para a campanha em si.

Sentinels of the Multiverse x2 (André e eu) - foram duas partidas. Na primeira o Naturalist (André) e o Captain Cosmic (eu) enfrentaram o Wage Master em Rook City. O Wage Master é um vilão estranho, pois o esquema dele é colocar variadas condições de final de jogo ao mesmo tempo em ação - por exemplo, perderíamos se um dos baralhos dos heróis fosse exaurido; ganharíamos se o baralho do vilão esgotasse e houvesse alguma carta dele virada; se todos os alvos heróis tivessem vida ímpar, ganharíamos; e assim em diante. Mas calhou desta ser uma luta mais aberta - o Naturalista assumiu sua forma de rinoceronte e defendeu-se, enquanto os construtos do Capitão Cósmico permitam que o Naturalista desse vários ataques de oportunidade. Quando o Naturalista mudou para a forma de crocodilo e começou a atacar mais forte, o Capitão fez o mesmo, e num turno só despejou 14 de dano no Mestre das Apostas. Assim, o vilão acabou derrotado na base da luta mesmo, quando o Capitão usou a energia de seus construtos para desferir o ataque final. Vitória dos heróis!

Na primeira a Skyscraper (André) e o Captain Cosmic enfrentaram o Ambuscade (avançado) em Rook City. Como o Ambuscade normalmente é fracote, além de ser avançado, seu baralho foi preparado com todas as armadilhas já ativadas. Foi uma batalha difícil, pois o Ambuscade permanecia escondido atrás de seu sistema de cobertura, e mesmo com a Skyscraper em sua versão pequena conseguindo fazer seus equipamentos entrarem em parafuso, atacando-se entre si, a situação era difícil, pois os danos recebidos eram constantes. O Capitão Cósmico lidou melhor com isso, pois era capaz de resistir melhor aos danos e ainda curar-se. Aproveitando aberturas quando seu sistema de defesa era superado, os heróis atacaram com eficiência, e quase derrubaram o Ambuscade, que chegou a ficar com 5 de vida. Só que Rook City é um lugar cruel com os heróis, e a Skyscraper caiu e o Ambuscade, com seu dano aumentado, acabou com os construtos e derrubou o poóprio Capitão Cósmico. Vitória do vilão! (Creio ter sido a primeira vez que perdi pro Ambuscade.)

Robinson Crusoe: Adventures on the Cursed Island (André, Marcelo, Éder e eu) - jogamos o cenário Ilha Amaldiçoada (Cursed Island), e os personagens foram: Carpinteiro (Marcelo), Cozinheiro (Éder), Explorador (André) e Soldado (eu). A missão é construir 5 cruzes pela ilha para remover a maldição que abate-se sobre ela. Curiosamente, em nenhum momento tivemos a situação fora de nosso controle. Apesar de demorarmos a começar a construir (até porque eu falhei uma vez) as cruzes, os eventos não nos incomodaram tanto, e a névoa maldita demorou o suficiente para começar a nos bloquear, de forma que sempre tivemos alguma área disponível para coletar madeira e comida, e também para construir cruzes. O Cozinheiro foi perfeito em sua coleta de materiais, com o Éder rolando dados de forma irretocável. Eu, com o Soldado, falhei diversas vezes em minhas tentativas de construção, mas fiz minha parte na caça, conseguindo bastante comida ao matar um cabrito-montês, um tigre e um urso. O André e o Marcelo cuidaram da exploração. Quando o tempo gelado chegou, nosso acampamento estava bem montado e com um telhado firme (nível 2), feito de peles. A construção das cruzes prosseguiu, e mesmo com tempestade e uma briga ocorrendo no acampamento, resolvemos essas questões e cumprimos a meta, construindo a quinta cruz, na oitava rodada (de 10). Vitória! Marcamos 44 pontos.

Family Business (Éder, André, Marcelo e eu) - para fechar a noite, um jogo para criar briga. E assim foi. O Éder foi o ponto principal, com a gangue do Al Capone jogando duas vezes a Vendetta. E ela ainda entrou numa briga com a máfia do Marcelo. Os ladrões de banco do André protegeram-se na Casa Segura na primeira Vendetta, e quando resgataram alguns dos seus da lista para morrer, estavam bem na frente, o que os tornou alvos. Eu, com os ladrões de NY, estava calmo, basicamente sem contratos para lançar nos outros, fui na politicagem, tendo tentado salvar um mafioso do Marcelo, mas fui dedurado, e depois, usando minha influência na polícia federal para liberar a todos da lista. Essa boa vontade rendeu-me frutos quando, após os mafiosos do Marcelo terem sido eliminados, o Al Capone mandou um ataque direto nos ladrões de banco do André, eliminando este. Restando só o Al Capone contra dois ladrões de NY, bastou um contrato simples para entregar o Al para a receite federal. Vitória dos ladrões de NY!

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quarta - 05/agosto

Mensagem por Trentini em Sex Ago 07, 2015 9:25 am

E o relato de segunda, onde está?

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3357
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum