Quarta - 15/julho

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Quarta - 15/julho

Mensagem por tiagovip em Qui Jul 16, 2015 2:38 pm

Olá, pessoas!

Devido à ausência do Éder pulamos a continuação do Pathfinder para prosseguir com a história dos heróis no Sentinels:

- Sentinels of the Multiverse x3 (André, Marcelo e eu) - Foram três partidas, prosseguindo com a campanha. Lembrando que nesta campanha não há evolução de personagem, há sim uma história que interliga vários cenários, dessa forma, a própria campanha determina quais são os heróis, vilão e ambiente.

14ª Edição - Um Mundo de Desespero (A World of Despair) -- terceira parte

As lutas contra os cinco vilões conjurados pelo Gloomweaver prossegue. A Matriarca, o Spite e o Apostate foram derrotados, no entanto o Iron Legacy e a Ennead tinham derrotado seus inimigos.

A primeira partida durou 4 rodadas, se não me engano. O Iron Legacy fez a parte dele, mas a Fanatic podia curar um pouco, e o mesmo com o Ra, e todos os heróis, incluindo o Absolute Zero em sua versão Freedom Six, atacavam bem. Eu peguei a Fanatic imaginando que poderia vir a encontrar a Retribuição Irada (Wrathful Retribution) já que o poder dela permite comprar cartas, mas não tive sorte nisso. Porém, não foi necessário. O AZ removeu duas cartas contínuas que iriam causar devastação e caiu no ataque do vilão, mas já havia a abertura para derrotar o Iron Legacy, quando o Ra e a Fanatic, juntos, deram mais de 10 de dano no vilão. Vitória!

Contra a Ennead foi uma briga de foice no escuro. Dano de tudo quanto é lado. Saí, com o Legacy, com a melhor mão possível contra a Ennead - uma para tornar os demais imunes a dano e outra para impedir de revelar cartas de vilão, o que afeta a Ennead mais do que a qualquer outro vilão, pois os vilões só agem quando cartas são reveladas. E ainda comprei, depois, a segunda carta que faz o mesmo efeito. O Chrono Ranger, com seus danos aumentados pelo Legacy em 2, arrebentou geral, e o GI Bunker, após passar as rodadas iniciais reforçando o seu omni-canhão, desferiu dois ataques de combustão, um deles aumentado em 1 e outro 2, que quebrou boa parte da força da Ennead. Mas, além disso, os ambiente estava com raiva dos espíritos egípcios. Usamos muito, mas muito mesmo, o ambiente para atacar os vilões - um grande trabalho em equipe, sem o qual não seria possível superar os vilões. No final, soboru só o Legacy contra o Shu, a pior coisa que poderia ocorrer, pois o Shu não toma dano de melee e nem projétil, e o Legacy só tem dano do primeiro tipo. Era, então, preciso depender 100% do ambiente para ferir o Shu. Felizmente, o Legacy estava protegido contra danos do ambiente e era esperar que as cartas dos vilões não fossem suficientes para derrubá-lo e, para isso, o Legacy valeu-se de sua Próxima Evolução para tornar-se imune aos danos mais comuns causados pela Ennead (pois o Bunker e o Ranger permitiam ao Legacy usar um poder). Demorou mas o Shu foi vencido pela Minhoca Gigante e uma criatura das neves.

Fomos, então, contra o Glooweaver, na versão Skinwalker, mais difícil que a normal patética dele. Tínhamos que enfrentá-lo usando a Unity e o Argent Adept e mais um, e optamos pelo Ra, para garantir dano. A Unity foi mais útil que o usual, tendo, em certo momento, 6 bots na mesa! Ela deu mais dano que o Ra, creio, algo praticamente impensável. Isso foi em boa parte graças ao Argent Adept, que permitia a ela jogar mais cartas e ainda curava seus bots. Eu não pensava que esse trio faria frente ao vilão, mas fizeram e muito bem. Porém, uma vez que o Gloomweaver mudou sua forma, a situação deteriorou rápido. Ainda assim, os heróis foram valentes e lutaram com tudo. Era possível vencer! Só que, de uma vez só, o Gloomweaver derrubou o Ra e todos os bots da Unity. Era o fim. Vitória do vilão.

Heróis disponíveis:

- Fanatic Redeemer
- Legacy
- Visionary


- Love Letter x2 (Marcelo, André e eu) - foram duas partidas. Na primeira perdi duas vezes, uma de fato, pois o André ganhou sem problemas, chegando a 4 vitórias enquanto eu tinha 2 e o Marcelo 1; e outra moral, pois o Marcelo me eliminou em três rodadas e eu só fiz o mesmo com ele em uma. Uma tragédia. Por sorte, o Marcelo quis jogar uma segunda partida, e nesta fui melhor - recuperei o moral abalado, eliminando o Marcelo três vezes, e ainda ganhei a partida, quando, na última rodada, o Marcelo usou o Ithaqua para comparar mãos e, com o Hastur, perdeu para meu Yog-Sothoth e, em seguida, usei um segundo Ithaqua para usar o Yog para eliminar o André e seu Shub-Niggurath.

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5996
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum