Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Mensagem por Binderman em Qua Dez 31, 2014 3:13 pm

Passar as férias em casa tem muitas vantagens, a principal delas é que você pode fazer coisas que não teve tempo durante o ano e não teria tempo caso fosse viajar, como jogar jogos longos.

  Uma das coisas mais chatas do Arkham é o tempo que se gasta para configurar e guardar o jogo. Para inaugurar a expansão, eu armei-o apenas uma vez e joguei 7 vezes em um período de 6 dias. E teria jogado mais se não tivesse que liberar a mesa da sala para a festa de ano novo.

  Resumo das partidas na ordem em que foram jogadas:

 1) Derrota na batalha final contra Shudde Mell. Investigadores: Jim Culver (Músico), Amanda Sharpe (Estudante) e Rita Young (Atleta).

 2) Derrota por quantidade de portais abertos contra Abhoth. Investigadores: Marie Lambeu (Artista de Teatro de Variedades), Mandy Thompson (Pesquisadora) e Ashcan Pete (Andarilho).

 3) Derrota na batalha final contra Tsathoggua. Investigadores: Dexter Drake (Mágico), Jacqueline Fine (Médium), Wilson Richards (Faz-tudo).

 4) Vitória na batalha final contra Shub-Niggurath. Investigadores: Marie Lambeu (Artista de Teatro de Variedades) aposentada, substituída por Joe Diamond (detetive), Mandy Thompson (Pesquisadora) e Ashcan Pete (Andarilho).

5) Vitória na batalha final contra Nyarlathothep. Investigadores: Gloria Goldberg (Escritora), Darrell Simmons (Fotógrafo), Diana Stanley (Cultista Arrependida).

6) Derrota na batalha final contra Glaaki. Investigadores: Vincent Lee (Médico), Monterey Jack (Arqueólogo), Carolyn Fern (Psicóloga).

7) Vitória na batalha final contra Ithaqua. Investigadores: Joe Diamond (Detetive), Jenny Barnes (Diletante) devorada, substituída por Leo Anderson (Líder da Expedição), Bob Jenkins (Vendedor).


Impressões despretensiosas:

a) Os Grandes Antigos do Dunwich são mais difíceis.

b) Tudo fica mais fácil quando Joe Diamond está no tabuleiro, principalmente na batalha final.

c) Os encontros das duas cidades que vem na expansão são muito bem escritos, alguns são surpreendentes.

d) A cultista arrependida tem umas habilidades bem legais.

e) As cartas de ferimento e loucura serão usadas em todas as minhas partidas.

f) Só tive chance de ativar uma carta de condição nas 7 partidas mas não consegui porque faltava uma pista. Detalhe: eu não li nenhuma carta de condição, não sei o que tem nelas.

g) O Horror de Dunwich é grande mas não é dois.

h) A Jenny Barnes foi devorada por um ser de voz sibilante após falhar em um teste simples com 7 dados. Inacreditável.

i) Foram todas partidas solo. Minha irmã começou assistindo uma delas mas não quis jogar pois achou muito complicado.

j) Heroscape está prestes a se tornar o meu ex-maior ralo de dinheiro.

k) Joe Diamond tirou três tokens de doom do Ithaqua em uma única jogada. E ainda deixou dois sucessos para o Leo Anderson finalizar.

l) Por que não comecei a jogar Arkham antes?

m) Eu tive a chance de ganhar a última partida com 6 portais selados 2 vezes. Na primeira aconteceu um burst e na segunda um portal abriu em um encontro e o último token de doom foi colocado no Ithaqua.

n) Joe Diamond é o maioral.

Eu ia tentar chegar no z mas está ficando forçado demais. Smile

________________________________________________
"You are already naked. There is no reason to not follow your heart." Steve Jobs

avatar
Binderman
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2626
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 47
Localização : Universo observável

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Mensagem por tiagovip em Qua Dez 31, 2014 4:22 pm

Que legal, Binder!

Sete partidas em seis dias só quando o Arkham chegou aqui pela cidade, nas mãos de um amigo meu, o Eduardo. Jogamos basicamente todas as noites por semanas.

Vou incluir alguns comentários sobre seus comentários:


Binderman escreveu:5) Vitória na batalha final contra Nyarlathothep. Investigadores: Gloria Goldberg (Escritora), Darrell Simmons (Fotógrafo), Diana Stanley (Cultista Arrependida).

Ah, o Nyrla. Ele devia ser um dos GOO complicados, mas, ao contrário, é o mais mole, junto do Ithaqua (este só fica de pé se rolar muito azar para manter os itens). Para o Nyrla, eu fiz uma série de mudanças para deixar ele parrudo. Contra ele, só jogo assim:
1) No set up, não coloque pistas nas localidades instáveis;
2) Já no set up, separe todas as Máscaras - não deixe-as misturadas com os outros monstros. Então, sempre que ocorrer um monster surge, coloque, no portal em que ocorreu o monster surge, uma das máscaras (nos outros portais, sorteie do pote, como normal);
3) No combate final, caso ele ocorra, há uma série de possibilidades (pode-se usar todas juntas, ou só algumas, ao gosto do cliente):
3.a) O modificador de combate do Nyrla aumenta em -1 para cada Máscara no tabuleiro quando o Nyrla desperta (assim, p.ex, se houver 2 Máscaras, o modificador dele fica em -6);
3.b) No começo do combate, cada investigador deve descartar um número de pistas igual ao de Máscaras no tabuleiro, ou é devorado;
3.c) Antes do combate contra o próprio Nyrla, cada investigador deve enfrentar uma Máscara, sorteada aleatoriamente - não é permitido esquivar-se do combate (considere que cada Máscara, para essa luta, tem a habilidade Ambush). Os combates ocorrerem ao mesmo tempo, então não é permitido troca de itens entre os investigadores. As regras usuais de combates contra monstros aplicam-se.

Curiosamente, mesmo quando joguei com todas as mudanças acima, ainda vencemos o Nyrla. Mas foi mais difícil.

Binderman escreveu:a) Os Grandes Antigos do Dunwich são mais difíceis.

Sim. Os de Kingsport e Innsmouth seguem a mesma tendência. O Quachil Uttaus, por sinal, eu acho o GOO mais encapetado. Mas o Y'Golonac, o Cthugha e outros são bem poderosos. Falo isso só para deixar você com água na boca até sua viagem.


Binderman escreveu:e) As cartas de ferimento e loucura serão usadas em todas as minhas partidas.

Pois é. São obrigatórias para mim. Não deixo nem a opção de não pegá-las, mesmo se a pessoa quer sofrer os efeitos de nocauteado ou enlouquecido como são no jogo base - ocorreu algum desses dois efeitos, pega uma carta do baralho correspondente.


Binderman escreveu:g) O Horror de Dunwich é grande mas não é dois.

Eu digo que é dois, mas não é três!


Binderman escreveu:h) A Jenny Barnes foi devorada por um ser de voz sibilante após falhar em um teste simples com 7 dados. Inacreditável.

É o tipo de disputa em que não há vencedor, mas já vi (talvez até tenha sido eu, mas não lembro exatamente) ocorrer uma falha, sem 1 único dado de sucesso, numa rolagem de 18 dados! Nem tentei calcular a chance disso ocorrer.


Binderman escreveu:l) Por que não comecei a jogar Arkham antes?

Porque você jogava Torres. Twisted Evil

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5989
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Mensagem por Binderman em Qua Dez 31, 2014 4:53 pm

tiagovip escreveu:Que legal, Binder!

Sete partidas em seis dias só quando o Arkham chegou aqui pela cidade, nas mãos de um amigo meu, o Eduardo. Jogamos basicamente todas as noites por semanas.

É o que eu tenho vontade de fazer. E as expansões do Eldritch tem que ser muito boas para que isso mude.

tiagovip escreveu:

Ah, o Nyrla. Ele devia ser um dos GOO complicados, mas, ao contrário, é o mais mole, junto do Ithaqua (este só fica de pé se rolar muito azar para manter os itens). Para o Nyrla, eu fiz uma série de mudanças para deixar ele parrudo. Contra ele, só jogo assim:
1) No set up, não coloque pistas nas localidades instáveis;
2) Já no set up, separe todas as Máscaras - não deixe-as misturadas com os outros monstros. Então, sempre que ocorrer um monster surge, coloque, no portal em que ocorreu o monster surge, uma das máscaras (nos outros portais, sorteie do pote, como normal);
3) No combate final, caso ele ocorra, há uma série de possibilidades (pode-se usar todas juntas, ou só algumas, ao gosto do cliente):
3.a) O modificador de combate do Nyrla aumenta em -1 para cada Máscara no tabuleiro quando o Nyrla desperta (assim, p.ex, se houver 2 Máscaras, o modificador dele fica em -6);
3.b) No começo do combate, cada investigador deve descartar um número de pistas igual ao de Máscaras no tabuleiro, ou é devorado;
3.c) Antes do combate contra o próprio Nyrla, cada investigador deve enfrentar uma Máscara, sorteada aleatoriamente - não é permitido esquivar-se do combate (considere que cada Máscara, para essa luta, tem a habilidade Ambush). Os combates ocorrerem ao mesmo tempo, então não é permitido troca de itens entre os investigadores. As regras usuais de combates contra monstros aplicam-se.

Curiosamente, mesmo quando joguei com todas as mudanças acima, ainda vencemos o Nyrla. Mas foi mais difícil.

Pois é, não foi muito difícil vencê-lo no final. Gostei dessas mudanças, deixou bem mais temático.


tiagovip escreveu:
Binderman escreveu:l) Por que não comecei a jogar Arkham antes?

Porque você jogava Torres.  Twisted Evil

Abs,

Ai, isso foi cruel. Mas verdadeiro.

________________________________________________
"You are already naked. There is no reason to not follow your heart." Steve Jobs

avatar
Binderman
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2626
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 47
Localização : Universo observável

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Mensagem por tiagovip em Qua Dez 31, 2014 5:48 pm

Binderman escreveu:Pois é, não foi muito difícil vencê-lo no final. Gostei dessas mudanças, deixou bem mais temático.

Ah, faltaram duas coisas:

2.5) No primeiro portal que abrir, coloque 1 monstro do pote e 1 Máscara;
2.75) Máscaras não contam para o limite de monstros em Arkham e nunca vão para as Outskirts.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5989
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Relatos e Impressões após 7 partidas de Arkham Horror com a expansão Dunwich

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum