Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Trentini em Seg Out 20, 2014 9:14 am

E nesse sábado ocorreu mais uma edição da CL, a edição que fechou a segunda dezena de eventos desse porte, contou com pouco mais de 90 pessoas, todo mundo que foi se divertiu bastante e muitos jogos de alto calibre estiveram no evento.

Abaixo relatarei o que joguei, que foi pouco considerando a situação da minha voz que não ajudou muito.

Five Tribes (Eu, Rafael, Samuca, André) - Jogo chegou para mim sexta-feira e já foi estreado no sábado, um dos jogos hot do momento pelo sucesso da GenCon e provavelmente está sendo um dos sucessos da Essen também, o jogo maravilhoso e colorido distribuído pela Days of Wonder é realmente muito bom e ao contrário de todos os comentários negativos com relação a alta produçao de AP pelos usuários do BGG, achei que ele passou no teste de AP com louvor, reunindo uma mesa comigo, Samuca e Rafael dá para testar se o jogo gera realmente muito AP como dizem, e vejam, não gerou, foi um jogo ótimo em um tempo super agradável, cerca de 50 minutos, sem contar explicação que não demorou muito, apesar do estado da minha voz Sad. Mecanicamente o jogo é uma mancala, e ao estilo de jogos do Feld (apesar do jogo ser projetado por Bruno Cathala (Jamaica, Shadow over Camelot, Cyclade, Abyss)) o jogo é uma máquina de pontos, tudo vale ponto no final, somos viajantes que resolvemos nos estabelecer no sultanato de Naqala (curiosidade: naqala é uma das palavras para descrever Mancala) onde o sultão atual acabou de morrer e nosso objetivo é reunir os membros das 5 tribos (os anciões, os vizires, assassinos, mercantes, construtores), quem obtiver mais sucesso em adquirir esses poderosos aliados se tornará o novo sultão de Naqala.

Na nossa partida eu de cara tentei reunir alguns anciões para adorar algum dos gênios disponíveis e desde cedo me beneficiar de sua ajuda, ao longo do jogo busquei fortemente adquirir boas propriedades com a ajuda dos assassinos que  matavam o antigo proprietário de algumas terras ao redor de onde eu os reunia para que eu virasse o novo dono de suas propriedades e quase metade da região estava sob minhas posses ao final do jogo, porém dei lances um pouco caros demais para sempre me manter em uma posição favorável na ordem de turnos e isso prejudicou minha pontuação, o André reuniu uma legião de vizires que lhe garantiram muito prestígio político no final da partida, o Samuca ainda testando a mecânica do jogo tentou um pouco de tudo, mas se viu com jogadas nem sempre muito eficazes. O Rafa usufruiu da ajuda dos construtores e mercadores para se tornar um cara muito rico, além de ser dono de um distrito rico e com alguns palácios ao redor, isso garantiu-lhe muito prestígio monetário e naquele momento isso foi mais importante do que quantidade de propriedades ou quantidade de alianças de vizires. Final da partida: Rafa: 158 pontos, André: 125, Eu: 121, Samuca: 96.

Four Tribes (Eu e Gustavo) - É, baita coincidência de nomes e baita coincidência de serem jogados em seqüência. Mas as coincidências acabam por aí, o Four Tribes eu ainda não sei bem o tema do jogo, pois o Gustavo é um cara muito prático e prefere apenas explicar as regras e mecânica, é um jogo para duas pessoas onde apostamos influência sobre alguns distritos, quem possuir mais influência no distrito recebe o apoio de algum dos 4 nobres diferentes, quem possuir apoio de 4 nobres de cores diferentes ou 3 nobres de mesma cor vence a partida. Uma mecânica simples do uso das cartas e bem eficiente, deixando esse jogo para mim o melhor jogo que o Jason Glover já projetou.

Na partida, o Gustavo tentou acabar a partida rapidamente tentando a influência de 3 nobres azuis, porém o terceiro nobre azul tentei impedir a qualquer custo e consegui, me deixando em leve vantagem por possuir 2 nobres de cor diferente após adquirir o azul (eu já tinha um verde), com isso foi uma disputa mais equilibrada mas consegui o apoio de um nobre vermelho e por último usando uma boa combinação de cartas não dei chance para o Gustavo tentar impedir que eu pegasse a influência de um nobre amarelo vencendo a partida.

Splendor x2 (Eu, Samuca, Marina, Hermínio) - Foram duas partidas bem legais, na primeira eu estava com 13 pontos, quase fechando, mas eu era o primeiro da rodada e para fechar eu iria precisar de mais uma rodada, a Marina, última da rodada fechou os 15 pontos e não tive a oportunidade de jogar de novo, vitória da Marina com 15, seguida por mim com 13. Na segunda partida após fazer 14 pontos com bastante folga para o segundo colocado que era o Samuca, reservei uma carta que valia 1 ponto, fechei ela na rodada seguinte com 15 pontos, seguido da Marina com 13 e Samuca com 12.

Hive (Eu e Lucas) - Ao final, após ter ensinado meu sobrinho a jogar Hive no dia anterior, ele queria jogar uma partidinha desse jogo, não neguei, jogamos uma partida de 5 minutos rapidinha, venci, mas fiquei feliz que ele começou a entender melhor o jogo e já começou a brincar de cercar minha abelha rainha, tenho a convicção de que até devo apertar o freio quando jogo com ele, mas não devo deixar ele vencer tão facilmente para que ele aprenda a desenvolver melhor a estratégia, fiquei feliz com o pequeno resultado.

Realmente sofri com minha voz nesse dia, mas valeu a pena, podia não ter ido, minha voz não estava me deixando, mas tentei fazer o possível para ir.


Última edição por Trentini em Qua Out 22, 2014 9:05 am, editado 2 vez(es)

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3422
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Binderman em Seg Out 20, 2014 9:28 am

O que Joguei:

Four Tribes com o Gustavo. Jogo simples, rápido e divertido para dois jogadores. O objetivo é controlar um certo número de nobres (3 de uma cor ou 1 de cada cor). Isso é feito com cartas colocadas em cada lado do terreno, quando os dois lados alcançam o limite de cartas a maior pontuação leva o nobre. Tem alguma semelhança com o BattleLine mas é um mais aleatório e menos cerebral.

Mansions of Madness com o Tiago, Sávio, Fabiano e Guilherme. Acordei cedo e demorei umas 3 horas recortando e colocando paste-ups do quinto cenário revisado: The Green Eyed Boy. Os cenários revisados são um projeto do BGG para melhorar o jogo base que tem vários problemas temáticos, de balanceamento e até mesmo alguns trechos quebrados. Li bastante sobre este quinto cenário e no meu entendimento, o cenário revisado ficaria realmente melhor que o original, o que ser revelou parcialmente correto. O jogo acabou ficando bem extenso, foram pouco mais de 4 horas devido ao aumento do número de rodadas, ao fato dos jogadores terem que resolver os puzzles sempre que entravam e saíam das salas e devido a um erro meu nos teste de evasão. As votações não foram frequentes mas eram totalmente feita às cegas, sem nenhuma dica aos investigadores. Apesar disso eu gostei do cenário, tem ideias muito interessantes e as pistas são bem legais. Agradeço a todos pela paciência e pelas 4 horas divertidas. Aguardo o relato do Tiago pois aconteceram alguns momentos bastante hilários durante o jogo.

________________________________________________
"Homo sapiens is an obsolete algorithm." Yuval Noah Harari

avatar
Binderman
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2648
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 47
Localização : Universo observável

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Trentini em Seg Out 20, 2014 10:47 am



Última edição por Trentini em Qua Out 22, 2014 9:48 am, editado 1 vez(es)

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3422
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Gustavo em Seg Out 20, 2014 12:39 pm

Além do Four Tribes contra o Trents e o Binder, joguei ele mais uma vez... o Agricola eu expliquei para 3 jogadores que não conheciam, Rodrigo, Ariadne e Marlon (acho que é esse o nome), que gostaram, foi bacana. E joguei uns 3 Netrunners!

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1681
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Seg Out 20, 2014 4:44 pm

Olá, pessoas!

Segue o meu relato de sábado:

- Discworld: Ankh-Morpork (Samuca, André, Rafaelfo e eu) - saí com o Chrysoprase, cujo objetivo é acumular 50 dinheiros. Fui atrás de dinheiro logo de começo, e o Samuca até disse que eu era quem era, mas fora mais um comentário jocoso já que todos estavam acumulando dinheiro para fazer construções. Sofrendo o efeito de algumas cartas, tive dificuldade para fazer uma construção, e fui o último a fazer isso. O Rafael estava espalhando-se pelo tabuleiro, ajudado por uma construção que ele roubara de outro, e o permitia pagar para colocar mais pessoas no tabuleiro. O Samuca eu não sabia bem o que queria, ele tentava ocupar locais, porém sem grande ênfase nisso, parecendo mais preocupado em bloquear outros. O André fazia também isso, impedindo o controle de regiões, contudo eventualmente mostrou sua verdadeira face suja: numa ousada ação colocou 10 marcadores de problemas na cidade e todos sabíamos o que ele queria. O Samuca e o Rafael conseguiram, numa ação conjunta, reduzir os marcadores para 6 ou 7 - eu conseguiria tirar uma, todavia preferia fazer outra coisa. Que coisa? Ganhar dinheiro, claro. Numa só rodada fiz 21 dinheiros e nada seguinte mais de dez. Afortunadamente, o André estava um incômodo constante, sempre subindo os marcadores de problemas para além de 8, e isso concentrou a atenção dos outros. Quando a vez do jogo retornou para mim, anunciei a vitória, para surpresa geral, tendo 39 dinheiros em espécie e mais uma construção de valor 12, totalizando, assim, 51 dinheiros. O Rafael tinha acabado de controlar 4 regiões distintas e, na minha vez, o André, que jogaria depois de mim, ainda possuía, na minha vez, 8 marcadores de problemas na cidade (atingindo, dessa forma, sua condição de vitória) - ou seja, foi bem disputado!;

- Mansions of Madness (Binder, Cavalli, Sávio, Fabiano e eu) - depois farei um relato pormenorizado, mas, por hora, basta saberem que desafiados todas as noções matemáticas do universo e nosso azar nas rolagens foi tão pesado que criou gravidade probabilística caótica própria e, incapaz de se sustentar, entrou em colapso sobre si mesma, quase causando uma explosão que acabaria com o cosmos;

- Shadow Hunters x2 (Henrique, Sávio, Cavalli, Cristiano, André, Marcos, Hélio e eu) - foram duas partidas. Na primeira saí com o Unknown (Desconhecido), uma Sombra, cujo poder é poder esconder sua identidade. Isso serviu-se de absolutamente nada: ninguém tentou descobrir minha aliança e, pior, quando afinal alguém usou uma carta verde em mim, era uma que me abrigava a mostrar a minha carta, ou seja, sem espaço para eu mentir (ou não). Provavelmente com aquela irresistível atração de atacar o dono do jogo, fui o primeiro a ter o personagem morto. Houve ainda uma certa disputa, mas quando o Henrique, com o Vampiro (outra Sombra), foi eliminado, o André, com o Lobisomem, a última Sombra, pouco pode fazer, ainda mais quando o Hélio errou e revelou que era um Caçador para evitar receber um ataque do Marcos - só que ele não podia fazer isso, e com todos basicamente "conhecidos" na mesa, o André foi surrado, mas ao menos matou um Caçador, a Emi (Marcos). Mesmo assim, vitória dos Caçadores (Marcos, Hélio e Cavalli). Na segunda partida, saí como um Neutro (o Charles). O Henrique começou jogando e pegou uma metralhadora, o Cavalli roubou ela dele e foi o pior erro que podia fazer, já que a metralhadora acerta todos dentro do alcance da pessoa, então não dá para barganhar dizendo que não atacará alguém (ou fica sem atacar totalmente ou ataca sem poder escolher quem). Com isso, todos desceram o cacete nele, mesmo sem saber qual lado ele estava - quando o personagem dele morreu, revelou-se ser um Caçador. Novamente chamando ataques com minha personalidade atraente, tentei argumentar sem sucesso, e fui o segundo a sair, mas aqui quero deixar algo registrado: o Henrique, que por sorte dele jogar melhor o Netrunner do que o Shadow Hunters, atacou-me, mesmo sendo ele um Caçador, e isso foi na mesma rodada em que eu tinha atacado fortemente o Marcos, que revelara-se uma Sombra (o Vampiro), ou seja, eu sabia, como todos na mesa, que ele era uma Sombra e eu o tinha atacado mesmo assim. Portanto, ou eu era um Caçador (aliado do Henrique) ou um Neutro que, de qualquer forma, estava ajudando-os, algo bem útil quando um Caçador já tinha sido eliminado. Mas não, ele foi lá e me atacou mesmo assim. Excelente. A partir disso, foi ladeira abaixo para os Caçadores - as Sombras (André, Marcos e Cristiano) os atropelaram e venceram sem perder sequer um dos deles;

- Family Business (Osmar, Pedro, Luiz e eu) - uma partida diferente em que os mafiosos foram costumeiramente salvos da lista para morrer. Estava bem complicado para matar alguém, e, infelizmente, quando as mortes começaram, elas mais me envolviam do que a qualquer outro. Até porque o canalha do Luiz, completamente integrado ao jogo, cheirava fraqueza no ar e saiu lançando contratos duplos para cima de mim. Tentando me manter de qualquer modo, ia lançando tréguas e, por sorte, havia dois vira-casacas nas gangues dos outros e ambos trabalhavam para mim! Quando o Pedro largou, primeiro, um Massacre do dia de São Valentino, e depois uma Vendetta, achei que era o fim, mas resisti o suficiente com um pelego - justamente o Lucky, que estivera algumas vezes na lista para morrer e salvara-se, e nisso uma Vendetta caiu nas minhas mãos, justamente quando orei por ela! Ao jogá-la, ninguém tinha uma Casa Segura, e isso igualou as chances - o Pedro acabou tendo toda a família eliminada aqui. O Luiz tentou mandar o último do Osmar para a morte, mas ela acabou voltando para o próprio cara do Luiz, e já chegou na fila morto. O Osmar mandou um Contrato para cima de mim, mas o Poder da Máfia rebateu isso e acabei por, inesperadamente, vencer! O Osmar, depois, notou que poderia ter usado uma Traição para garantir a vitória, então foi a inexperiência que causou sua queda - nas próximas eles estará mais esperto e com mais sangue nos olhos!

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 6013
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Binderman em Seg Out 20, 2014 7:53 pm

@tiagovip escreveu:
- Mansions of Madness (Binder, Cavalli, Sávio, Fabiano e eu) - depois farei um relato pormenorizado, mas, por hora, basta saberem que desafiados todas as noções matemáticas do universo e nosso azar nas rolagens foi tão pesado que criou gravidade probabilística caótica própria e, incapaz de se sustentar, entrou em colapso sobre si mesma, quase causando uma explosão que acabaria com o cosmos;

Foi inacreditável, sequências intermináveis de testes falhos.

________________________________________________
"Homo sapiens is an obsolete algorithm." Yuval Noah Harari

avatar
Binderman
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2648
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 47
Localização : Universo observável

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Gustavo em Seg Out 20, 2014 8:16 pm

Da próxima vez, me chamem ou ao Rafael Soar, caso ele esteja presente, para batermos um papinho com esses dados.

Quando eles estão assim rebeldes, uma boa conversa resolve tudo.

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville



avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1681
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por libonati em Seg Out 20, 2014 11:54 pm

@Trentini escreveu:Nesse link, cobertura com fotos: http://curitibaludica.wordpress.com/2014/10/20/cobertura-da-20a-curitiba-ludica/

Tre, vc sabe que tem uma ferramente de link aqui no fórum né!?
Ela pode ser usada, está disponível, sem custos adicionais

Não fui eu!

________________________________________________

libonati
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2976
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 34
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.worldrpgfest.com.br/site

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Reffip em Ter Out 21, 2014 11:21 am

Minha primeira ludica, cheguei tarde, a família não conseguiu comparecer, mas consegui brincar um pouco. Smile

Não pude negar a oportunidade de jogar o Terra Mystica pela segunda vez. Mais uma vez com o Geovani, e com dois amigos do Lauri que estavam lá pela primeira vez. Tudo era novo para eles ali, e já começaram com esse jogo grandioso.

Depois da explicação inicial, o excesso de informações quase desanimou o casal, mas este animo (acredito) foi reconquistado durante a partida.

Eu fui de Halflings, Geovani com os Engenheiros, e o casal ficou com nômades e as bruxas.

Repeti a estratégia da minha estreia vitoriosa. Preferi inicialmente espalhar o máximo de dwellings, deixando para fazer os upgrades nas ultimas rodadas. Deixei de lado os cultos, e no final foquei em apenas um para conseguir uma das pontuações máximas.

Nessa minha exploração desenfreada, perdi a oportunidade de fechar uma cidade adicional ao juntar 7 terrenos para uma única cidade (achei que eu poderia dividir na hora de pegar a chave).

Geovani focou nos upgrades rapidamente, mas ficou fechado num pequeno espaço, exoandindo mais para o final do jogo e não conseguiu unir suas cidades através do rio.

As bruxas fizeram uma boa expansão, e por pouco não roubaram minha pontuação de maior cidade. Os Nômades se espalharam pelo mapa e estavam um pouco mais perdidos nas ações.

No fim venci a partida, seguido pelo Geovani, depois as bruxas e no fim os Nômades.

Uma boa partida, com aquela situação dos novatos pegarem o esquema do jogo depois de algumas rodadas. Acredito que gostaram, espero que voltem para jogar de novo!


Final do jogo


Depois rolou uma partida divertida de Tsuro, que foi indicado e ensinado pelo Lodi. Jogo que além de lindo, é bem divertido. Jogamos em seis e os dragões voaram tranquilamente até o penúltimo tile de cada um, quando um transitopesado no meio do tabuleiro derrubou 4 dragões. O Dragão do Lodi foi o único que escapou tranquilamente dessa briga, e conseguiu voar sozinho e tranquilo até o fim.

Depois Jaipur, com o Luis. Expliquei o jogo para ele e fomos fazer nossa compras no mercado. Na primeira rodada, venci fácil...e fui dando dicas para o Luis que prontamente as absorveu e me detonou na segunda rodada. Na terceira, houve um equilibrio mais bacana, mas ainda assim consegui vender as mercadorias mais valiosas e acabei vencendo o jogo.

Por fim, quando achava que não jogaria mais nada, rolou o Family Business já relatado pelo Tiago. Adorei o jogo, e nos divertimos bastante ali. Eu, desapegado com a minha família, acabei não tomando cuidado no final e fui derrotado por pouco. Realmente o Lucky era um cara de sorte!!

________________________________________________
plus ça change plus c'est la même chose...

-----------------------------------------
avatar
Reffip
Power Grid
Power Grid

Mensagens : 658
Data de inscrição : 16/07/2014
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Guilherme Cavalli em Ter Out 21, 2014 10:05 pm

@tiagovip escreveu:
- Mansions of Madness (Binder, Cavalli, Sávio, Fabiano e eu) - depois farei um relato pormenorizado, mas, por hora, basta saberem que desafiados todas as noções matemáticas do universo e nosso azar nas rolagens foi tão pesado que criou gravidade probabilística caótica própria e, incapaz de se sustentar, entrou em colapso sobre si mesma, quase causando uma explosão que acabaria com o cosmos;

- Shadow Hunters x2 (Henrique, Sávio, Cavalli, Cristiano, André, Marcos, Hélio e eu) - foram duas partidas. Na primeira saí com o Unknown (Desconhecido), uma Sombra, cujo poder é poder esconder sua identidade. Isso serviu-se de absolutamente nada: ninguém tentou descobrir minha aliança e, pior, quando afinal alguém usou uma carta verde em mim, era uma que me abrigava a mostrar a minha carta, ou seja, sem espaço para eu mentir (ou não). Provavelmente com aquela irresistível atração de atacar o dono do jogo, fui o primeiro a ter o personagem morto. Houve ainda uma certa disputa, mas quando o Henrique, com o Vampiro (outra Sombra), foi eliminado, o André, com o Lobisomem, a última Sombra, pouco pode fazer, ainda mais quando o Hélio errou e revelou que era um Caçador para evitar receber um ataque do Marcos - só que ele não podia fazer isso, e com todos basicamente "conhecidos" na mesa, o André foi surrado, mas ao menos matou um Caçador, a Emi (Marcos). Mesmo assim, vitória dos Caçadores (Marcos, Hélio e Cavalli). Na segunda partida, saí como um Neutro (o Charles). O Henrique começou jogando e pegou uma metralhadora, o Cavalli roubou ela dele e foi o pior erro que podia fazer, já que a metralhadora acerta todos dentro do alcance da pessoa, então não dá para barganhar dizendo que não atacará alguém (ou fica sem atacar totalmente ou ataca sem poder escolher quem). Com isso, todos desceram o cacete nele, mesmo sem saber qual lado ele estava - quando o personagem dele morreu, revelou-se ser um Caçador. Novamente chamando ataques com minha personalidade atraente, tentei argumentar sem sucesso, e fui o segundo a sair, mas aqui quero deixar algo registrado: o Henrique, que por sorte dele jogar melhor o Netrunner do que o Shadow Hunters, atacou-me, mesmo sendo ele um Caçador, e isso foi na mesma rodada em que eu tinha atacado fortemente o Marcos, que revelara-se uma Sombra (o Vampiro), ou seja, eu sabia, como todos na mesa, que ele era uma Sombra e eu o tinha atacado mesmo assim. Portanto, ou eu era um Caçador (aliado do Henrique) ou um Neutro que, de qualquer forma, estava ajudando-os, algo bem útil quando um Caçador já tinha sido eliminado. Mas não, ele foi lá e me atacou mesmo assim. Excelente. A partir disso, foi ladeira abaixo para os Caçadores - as Sombras (André, Marcos e Cristiano) os atropelaram e venceram sem perder sequer um dos deles;

É irresistível mesmo atacar o dono do jogo, principalmente quando se descobre com o uso de uma única carta que ele é um Shadow e não um shadow qualquer, mas o Unknown e você é um Hunter XD

O problema é quando ele resolve se vingar na rodada seguinte fazendo todos te matarem só pq vc pegou uma arma que acerta todo mundo de uma vez :p 

Estou esperando ansiosamente o relato do Mansion \o\ Eu nunca tive sorte no dado mesmo, então nem foi tão caótico pra mim :p

Fora isso, na lúdica joguei um Galaxy Trucker com o Leo e o Marcos, e fomos humilhados pelo Leo que ganhou de mais de 100 pontos de nós, enquanto tivemos duas rodadas de naves sem passageiros e, no caso do Marcos, naves destruídas pela metade.

________________________________________________
avatar
Guilherme Cavalli
Ticket to Ride
Ticket to Ride

Mensagens : 53
Data de inscrição : 19/09/2013
Idade : 27
Localização : Campo Largo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Rafaelfo em Ter Out 21, 2014 11:10 pm

Sábado Lúdico, com o Discworld e Five Tribes já relatados. Gosto muito do priemeiro e o segundo se mostrou um bom jogo também. Não achei nada mindblowing, mas vale bastante a pena por sua duração. Trents, leve-o outras vezes para testarmos mais! 

Também participei de:

Tsuro (cerca de 10-15 minutos, com Andre Modt, Cinthia, Tiago Henrique e eu)
Após cerca de um ano+, volto ao Tsuro, este belo jogo ligeiro e divertidíssimo. Em nossa partida os dragões também voarem bem, com pouco conflito até a penúltima rodada, onde caíram André e Cinthia. Depois sem muito o que fazer o Tiago acabou indo para fora e sobrou a vitória para mim.

Leaping Lemmings (71 minutos, com Luciano, Raquel, Cinthia, Tiago Henrique e eu)
Estréia. Expliquei as regras para o pessoal, todos amigos da Cinthia, e partimos para o jogo. Muito simples de regras e com fatores de sorte bem presentes, eu não sabia muito o que encontraria neste jogo. Estava apreensivo e curioso... mas acabou saindo melhor do que o esperado! Neste jogo cada um controla um grupo de lemmings que precisam cruzar um campo verde com esparsos arbustos e duas águias filhas da p*** na espreita - as águias são controladas pelos próprios jogadores, de maneira alternada. Os lemmings que cruzam o cenário vivos devem pular de um penhasco, fazendo firulas para ganhar pontos. Pronto, é isso, simples assim. 
A partida foi uma matação só, com as águias devorando sem dó... a Raquel perdeu 5 dos seus 10 lemmings, enquanto os outros perderam de 1 a 3. No fim o Luciano conseguiu salvar 3 Lemmings e marcou 12 pontos, seguido por mim com 10, Cinthia 9, Tiago Henrique 8 e Raquel 5. 
Devo dizer que foi uma boa partida, mas algumas coisas não agradaram... um dos jogadores era daqueles que quer jogar por todos (e se se comportava como o smart-bad-ass dos movimentos (inclusive alguns que se mostravam errados por regras ou taticamente) e acabava sendo um pouco (muito) chato. Pois bem... da próxima vez vou ser mais taxativo com esses caras durante a Lúdica!

Lord of the Rings LCG (60 minutos, com Lauri e eu)
Finalmente conheci tal LCG e digo que a experiência foi ótima! Sabia que gostaria, mas superou ainda um pouco as expectativas. Jogamos o primeiro cenário (Passagem pela floresta das trevas), o Lauri com um deck de Espírito/Liderança com Aragorn, Dúnhere e Éowyn e eu com um deck de Conhecimento/Tática com Gimli, Legolas e Beravor. O começo foi um pouco apertado com a cria de Ungoliant já pegando pesado. Demos um jeito nela e seguimos em frente, com o Lauri guiando e liderando bem o avanço, enquanto estripávamos orcs e diversas aranhas rasteiras pelo caminho. No fim precisamos dar cabo em outra cria de Ungoliant e estávamos com tanta moral, com o Thordir Gimli descendo tanto cacete nas aranhas que a contagem de patas já passava dos milhares. Gandalf ainda tentou ajudar no combate final mas o Gimli resmungou algo inteligível que aparentemente tinha as palavras chapéu, partido e machado na frase. Gandalf recuou e o próprio Gimli deu fim na segunda cria. 
Aparentemente Terra-Média e aranhas não se dão muito bem aqui em terras Curitibocas...
O Lauri chegou com o convite para o jogo lá no fim da Lúdica, nos 40 do segundo-tempo e só tenho a agradecer pela "pressão". Agora será fácil participar de outras aventuras na Terra-Média.

------------------------------

E a contagem de cabeças? Passamos de 100, imagino. Oficialmente talvez não, mas no final da tarde o salão deu uma boa enchida!


Última edição por Rafaelfo em Qua Out 22, 2014 12:25 pm, editado 3 vez(es)

________________________________________________
avatar
Rafaelfo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1809
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.sommastudio.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por doizinho em Qua Out 22, 2014 9:47 am

O Lauri é um embaixador do LotR:LCG muito melhor do que eu.
E aqui fica um registro de que ninguém que jogou esse jogo desgostou dele, talvez o Jorge e o Gustavo na nossa primeira partida, mas aquela foi só café com leite, nem valeu direito.

________________________________________________
avatar
doizinho
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3185
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 40
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/doizinho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por lauripaulo em Qua Out 22, 2014 11:07 am

@doizinho escreveu:O Lauri é um embaixador do LotR:LCG muito melhor do que eu.
E aqui fica um registro de que ninguém que jogou esse jogo desgostou dele, talvez o Jorge e o Gustavo na nossa primeira partida, mas aquela foi só café com leite, nem valeu direito.

E mais um membro da Lúdica convertido com sucesso para o LotR LCG  Smile

Que bom que você gostou Elfo. Foi bastante divertido. Nosso score foi 168.

________________________________________________
avatar
lauripaulo
Battlestar Galactica
Battlestar Galactica

Mensagens : 253
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 39
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Pedro em Qua Out 22, 2014 11:11 am

@lauripaulo escreveu:
@doizinho escreveu:O Lauri é um embaixador do LotR:LCG muito melhor do que eu.
E aqui fica um registro de que ninguém que jogou esse jogo desgostou dele, talvez o Jorge e o Gustavo na nossa primeira partida, mas aquela foi só café com leite, nem valeu direito.

E mais um membro da Lúdica convertido com sucesso para o LotR LCG  Smile

Que bom que você gostou Elfo. Foi bastante divertido. Nosso score foi 168.

Thumbs Up

________________________________________________
avatar
Pedro
18XX (Admin)
18XX (Admin)

Mensagens : 1958
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 34
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.meeplehouse.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sábado - 18/10 - 20ª Curitiba Lúdica

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum