Claustrophobia - 21/agosto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por tiagovip em Sab Ago 23, 2014 1:39 pm

Olá, pessoas!

Nesta quinta o Marcelo veio aqui em casa e o que jogamos foi:

Claustrophobia x3 (Marcelo e eu) - foram três partidas. Na primeira, jogamos o primeiro cenário da expansão Claustrophobia: De Profundis:Purificando com Fogo (Cleansing with Fire). Neste cenário os conscritos e o Redentor entram nos túneis para destruir os ninhos dos trogloditas, incendiando-os. É preciso encontrar os três locais onde estão os ovos, levar um dos Brutos ali (eles que carregam as tochas) e, depois, pelo menos um tem que sair vivo. É um cenário curto, com poucas áreas, mas na pilha de lugares possível há dois locais de trogloditas (onde eles sempre podem entrar), o que põe tremenda pressão nos humanos e em sua missão. Como, a pedidos, tirei várias fotos, será mais um relato por imagens.

O começo, com dois Brutos, um Mercenário e o Redentor:




Após algumas explorações, dois ninhos são encontrados (os locais onde estão os Brutos, nas passagens sem saída), mas dois locais de entrada e reprodução dos trogloditas estão junto às posições do Redentor (no meio, cercado por trogloditas) e do Mercenário (mais abaixo, correndo para descobrir onde está o último ninho e a saída dos túneis):




O Redentor apanha severamente (toma 4 de dano, tem 6 de vida, logo, restavam só 2), mas os Brutos vêem em seu auxílio e quase todos os trogloditas são mortos:




O troglodita sobrevivente guincha por ajuda e ela vem - quatro trogloditas (abaixo) e um cão do inferno (no alto, à esquerda):




O Redentor e os seus conscritos resistem aos ataques e encontram a saída, mas ainda é necessário achar o último ninho. Um outro cão do inferno surge para dificultar a missão dos humanos:




Com o Redentor ferido e o Mercenário também, o grupo decide-se por separar-se: um Bruto segue para o sul, enquanto os Redentor, o Mercenário e outro Bruto vão para o norte. Um novo bando de trogloditas aparece para atacar o Redentor e o Bruto, e esses esperam que a área sagrada em que se encontram dê-lhes alguma proteção.




O Bruto, ao sul, encontra o último ninho e o destrói. O Redentor (fora da imagem) é finalmente morto pelas criaturas. Somente um troglodita líder (bem mais forte do que os outros) impede a passagem de dois dos constritos. Mas o poder demoníaco afeta o Bruto, fazendo-o se mover para longe contra sua vontade normal e o Mercenário não consegue matar o troglodita e nem continuar a se mover:




O Bruto que fora afetado pelo poder demoníaco retorna para a briga, mas agora um cão do inferno auxilia o troglodita líder na luta:




O Mercenário é morto e o Bruto, sozinho, não consegue forçar sua passagem para a saída (notem o Redentor morto, mais acima):




O outro Bruto, após seu longo retorno do último ninho destruído, chega para ajudar seu parceiro, e os dois, na base da força, abrem o caminho para que um deles chegue na saída. Missão cumprida!



Perto do final o Marcelo estava tristonho, e disse para ele que a chance dele era tentar pegar algum evento. E os dois que ele pegou ajudaram! Movendo meu Bruto e colocando um troglodita fortão. Acabou criando uma tensão legal, já que meu Mercenário, que poderia passar pelos monstros, estava exausto e ferido demais para continuar e acabou morto. Tive que esperar até a chegada do meu segundo Bruto para conseguir ganhar, pois, em minoria, o Bruto que já estava na beirada não conseguia avançar.

Depois desse cenário passamos para o seguinte - Enganado (Misled). Alteramos os papéis, e fui como o líder demoníaco e o Marcelo com o Redentor e os conscritos. Nesse cenário, a missão é simples: ir pelos túneis até onde o artefato sagrado indica haver um demônio, matá-lo e voltar para a superfície. Simples! Mas o Redentor sente que algo não está certo, porém, não consegue saber o que é. Assim, o grupo de 2 Brutos, 2 Mercenários e o Redentor seguem adiante...

O grupo é logo emboscado por um ataque massivo dos trogloditas, o grupo estava compacto, mas um Mercenário adiantara-se muito e é bastante ferido pelo ataque:




Dos três trogloditas que atacaram o quatro humanos, somente um sobrevive ao contra-ataque, e, mal sabiam os humanos, que este troglodita faria um tremendo ataque suicida no Redentor, acertando todos seus golpes:




Um Mercenário achou o lar do Demônio, o Sultão da Dor, mas a armadilha, aquilo que o Redentor temia, fecha-se: um deslizamento de terra ocorre, separando o Mercenário do resto do grupo e, pior, isolando a sala do Pentagrama, onde o Sultão habita. Era, preciso, agora, achar um novo caminho até lá, porém tudo que os humanos encontram são túneis retos sem fim. O desespero começa a ameaçar vencê-los, e um Bruto é controlado pelas forças demoníacas, atacando seu parceiro, o outro Mercenário, e quase o mata:




No final, com todo o grupo espalhado, separado, perdido, sedentos, desesperados, um a um eles são vencidos pelo poder demoníaco. Nenhum retorno para a superfície. Vitória dos demônios! Notem o Bruto separado do Redentor no alto; o outro Bruto com o Mercenário longe ainda de seu objetivo; e, abaixo, o Mercenário, tentando fugir do Sultão da Dor:




Esta partida o Marcelo desistiu antes do final, pois notara que tinha esquecido uma importante habilidade do Redentor, que podia prever os caminhos adiante - não iria ajudar muito, pois os humanos ainda teriam que passar pelas retas, porém, ele poderia ter forçado esse caminho com um dos constritos, esperando por um trajeto que efetivamente o deixasse mais próximo do demônio. Desse modo, atentado para tentar de novo, jogamos o mesmo cenário novamente.


O grupo de humanos divide-se em dois: o Redentor, um Mercenário e um Bruto seguem reto, enquanto um Bruto e um Mercenário avançam por um túnel paralelo. Os dois grupos são atacados por trogloditas, e o do Redentor tem ainda de lidar com um cão do inferno:




A maior parte dos trogloditas são mortos pelos humanos, mas um deles resiste, assim como o cão do inferno:




Um Mercenário encontra a sala do Sultão da Dor, enquanto a armadilha é novamente ativada, separando-o do resto do grupo (notem o Bruto isolado):



O demônio não está sozinho e ele, junto de um bando de trogloditas, mata o Mercenário:




O Bruto que estava isolado é perseguido por trogloditas e por um cão do inferno. Mesmo matando várias das criaturas, o cão e um troglodita resistem e acabam matando o Bruto quando este dá de cara com um passagem sem saída:




O grupo que ficara para trás - o Redentor, um Mercenário e um Bruto -, tem que retornar por um longo caminho, pois não há passagens próximas que possam ligar-se à sala do Pentagrama, onde está o Sultão demoníaco. No caminho são acossados por ataques de trogloditas e um novo deslizamento toma-lhes ainda mais tempo:




O Bruto restante, já seriamente ferido, não consegue acompanhar o Mercenário e o Redentor. Ele vê a saída, sua chance de sobreviver, e tenta alcançá-la, porém os trogloditas o alcançam e o matam antes que na saída ele chegue:




No caminho para a sala do Pentagrama, o Redentor e o Mercenário vêem-se momentaneamente presos numa passagem com vinhas sanguinárias. As plantas, sedentas por sangue, sentem o alimento pulsando na veia dos humanos, que conseguem evitá-las, contudo, não são capazes de sair dali antes que ocorra um ataque de um trio de trogloditas. O Redentor, mesmo defendendo-se bem, é ferido pelos ataques múltiplos e as plantas, ao sentirem o sangue fluir, lançam-se no Redentor, que é envolvido e devorado. O Mercenário, o último sobrevivente, desiste da missão e tenta correr para escapar, porém lá ele nunca chegou. Vitória dos demônios:




O Marcelo, novamente, prendeu-se por conta própria - neste cenário, diferente de todos os outros, é o jogador dos humanos que escolhe o posicionamento das peças do cenário. E mesmo sabendo que a sala do Pentagrama, ao ser revelada, iria separar-se do resto, ele não se preparou em nada para isso: ao contrário, o que ele fez foi sim tornar sua missão de alcançá-la quase impossível. Dessa forma, ele iniciou um longo retorno, e, pior, não conseguia ativar a habilidade de previsão do Redentor (vê as próximas três peças de cenário e deixa na ordem que quiser) e, com medo de revelar uma passagem sem saída, teve de gastar muito tempo, enquanto um Bruto ia por outro lado, abrindo um caminho desnecessário, de forma que ele pudesse evitar os túneis retos. Tal precaução deu-me tempo de acumular poder (threat) e, depois, várias vezes atacá-lo com trogloditas, aos poucos minando a força dos conscritos e do Redentor. Quando uma conexão em T surgiu, foi bem a das vinhas sanguinárias, e ali o Redentor caiu. Restava ainda um Bruto e um Mercenário, todavia o Bruto, com só 1 de vida, caiu quando dei um ataque direto pelo poder demoníaco. Assim, só com um sobrevivente, não era mais possível cumprir o objetivo do cenário (matar o demônio e chegar à saída com 2 sobreviventes). O Marcelo basicamente "quebrou" o cenário duas vezes! Hehe.

E foi isso!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5973
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por Binderman em Dom Ago 24, 2014 9:27 am

Parece um jogo bacana, as minis já vem pintadas?

________________________________________________
"You are already naked. There is no reason to not follow your heart." Steve Jobs

avatar
Binderman
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2617
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 47
Localização : Universo observável

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por tiagovip em Dom Ago 24, 2014 1:32 pm

@Binderman escreveu:Parece um jogo bacana, as minis já vem pintadas?

Sim, Binder, todas as minis do jogo (incluindo as da expansão) já vêm pintadas.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5973
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por Trentini em Seg Ago 25, 2014 8:44 am

Muito bacana o relato, caprichou bastante.

________________________________________________
Oh, sleep my child

avatar
Trentini
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 3393
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 32
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://boardgamegeek.com/user/alepsycho

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por Soar em Seg Ago 25, 2014 12:01 pm

Que lindao este jogo!!

________________________________________________
"We Are the Borg. You Will be Assimilated. Resistance is Futile"
 
avatar
Soar
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1785
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 45
Localização : Kronnos 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por libonati em Seg Ago 25, 2014 1:47 pm

Warrior escreveu:Que lindao este jogo!!

tira o olho que é só pro pessoal do camarote!
Mas de fato é muito bonito o jogo!

________________________________________________

libonati
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2975
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.worldrpgfest.com.br/site

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Claustrophobia - 21/agosto

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum