XII Curitiba Lúdica

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Soar em Dom Jun 23, 2013 1:11 pm

Vou puxar a fila...

Vou reproduzir o meu comentário do Facebook
"Que beleza de encontro... velhos e novos amigos estiveram presentes na 12th Curitiba Ludica ontem. 
O Sesc Água Verde foi um ótimo anfitrião, creio que agradou a todos pela sua estrutura. Parabéns também ao meu brother Pedro Henrique Miranda, por encabeçar a organização do evento.
Que venha a próxima edição da Curitiba Lúdica!"


Foi de fato legal, eu já não encontrava há muito tempo companheiros como o Muller, Daniel Lira, Furlanetto, Olavo entre tantos.

Ontem pude jogar
Shadow Hunters  (Perreto, Jorge, Andre, Gallas, Soar) - foi uma partida rápida onde o hunter do jorge levou a vitória ao seu time a
o derrotar o último Shadow - o meu werewolf.




Com a chegada do Libonati ao nosso grupo, pude então conhecer o Game of Thrones Boardgame.
Jogamos com a expansão A Dance With Dragons que reduz bastante o tempo de jogo e trás novas cartas para as "famílias".
Rafael Lannister Soar ficou com o Trono de Ferro!!

Aqui nesta imagem o derradeiro ataque sobre as tropas do Bruno Trayrrel (traira com Tyrrel)


Score final:


Para fechar a minha participação conheci também o DC Deck building (com Buco, Pedro II e o Gustavo japa)
É um jogo com mecânica muito similar com o Dominium, posso dizer que eu gostei devido a temática dele, porém a jogabilidade do Dominium ainda é um pouco melhor. esta partida representei a super deliciosa Wonder Woman Embarassed e fiquei em último colocado (vitória do Marcelo)



Que pena que não deu pra jogar mais, entretanto iniciar a Ctba Lúdica de manhã me proporcionou estar presente.
Abrax


Última edição por Warrior em Dom Jun 23, 2013 8:08 pm, editado 1 vez(es)

________________________________________________
"We Are the Borg. You Will be Assimilated. Resistance is Futile"
 
avatar
Soar
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1750
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 45
Localização : Kronnos 1

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por luizaurio em Dom Jun 23, 2013 3:09 pm

Confesso que realmente fiquei surpreso com o evento, que foi meu primeiro.

Primeiro com o cuidado das pessoas com os jogos. No começo fiquei meio receoso de deixar meus jogos ali. No entanto tamanho era o cuidado com os componentes e com a organização dos mesmos dentro da caixa que percebi que é quase um pré-requisito desta comunidade o cuidado e respeito com os jogos.

Segundo com a quantidade de pessoas e de jogos, não sei foi um evento atípico neste quesito mas não imagina nem de longe tantas pessoas presentes nem tantos jogos disponíveis. 

Por fim gostaria de agradecer ao Perretto pela paciência em explicar para dois neófitos Arkham Horror que é um jogo bastante complexo e principalmente pelo tempo que ele consome, praticamente consumiu toda a tarde dele.

Achei o jogo sensacional! To até pensando em jogar uma solo (com 3 investigadores) hoje hahaha

De toda forma foi excelente, até a próxima!
avatar
luizaurio
Ra
Ra

Mensagens : 130
Data de inscrição : 19/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Samuca em Dom Jun 23, 2013 3:59 pm

@luizaurio escreveu:Confesso que realmente fiquei surpreso com o evento, que foi meu primeiro.

Primeiro com o cuidado das pessoas com os jogos. No começo fiquei meio receoso de deixar meus jogos ali. No entanto tamanho era o cuidado com os componentes e com a organização dos mesmos dentro da caixa que percebi que é quase um pré-requisito desta comunidade o cuidado e respeito com os jogos.

Segundo com a quantidade de pessoas e de jogos, não sei foi um evento atípico neste quesito mas não imagina nem de longe tantas pessoas presentes nem tantos jogos disponíveis.

Para você ter uma idéia, Luiz, neste evento tinha até pouca gente comparado com outros. Mas haja vista o hiato entre este a última Curitiba Lúdica, era até um pouco esperado. No próximo haverá muito mais gente.

E o cuidado com os jogos é parte sine qua non dos aficionados pelo hobby porque afinal de contas todos sabemos quão caros eles são.

________________________________________________
avatar
Samuca
Twilight Struggle
Twilight Struggle

Mensagens : 1396
Data de inscrição : 28/05/2013
Idade : 35

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/ascensx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Samuca em Dom Jun 23, 2013 4:07 pm

Aproveitando, quero também agradecer à organização do Curitiba Lúdica. Estão todos de parabéns! É maravilhoso para mim poder mais uma vez participar desse evento ao lado de velhos e novos amigos.

Só ontem joguei: Ticket to Ride, Ghost Stories (2x), Suburbia, 7 Wonders, Pandemic, Thurn and Taxis e Manila!

Agradecimentos especiais: à Carol, por ter aceitado entrar na surra que levamos do Ghost Stories; ao Rafaelfo, por ter levado o Suburbia a meu pedido; ao Léo, por ter aparecido; e ao Evandro e a Jackie, pela ótima conversa, pela carona e por me apresentarem ao Thurn and Taxis e ao Manila.

________________________________________________
avatar
Samuca
Twilight Struggle
Twilight Struggle

Mensagens : 1396
Data de inscrição : 28/05/2013
Idade : 35

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/ascensx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por libonati em Dom Jun 23, 2013 4:13 pm

Quero me desculpar com os fellas pelo atraso, em especial o Gallas, que tem uma mulher invocada em casa, eu sei como é isso!! Beijo Gi!!!

Essa partida de A Game of Thrones foi sanguinolenta... meu deck rodou duas vezes e meia, o que dá 18 batalhas durante o jogo, algo inédito para mim, que normalmente batalho poucas vezes no jogo. Dessas, umas 6 foram contra os Lannister, umas 8 contra os Martell, 3 contra Greyjoy e uma contra Baratheon... algo por ai! Ou seja, só não batalhei contra os Bolton que estavam do outro lado do tabuleiro!
Gostei bastante da expansão que diminui o tempo de jogo sem que nada ou muito pouco se perca. Ela já parte direto para ação, com o setup mais agressivo.

Depois joguei Jenga e Animal upon Animal, dois jogos que tenho em alta conta, e com parceiros de 4 e 6 anos que dificultaram bastante as partidas!

playtestei o jogo do Saulo, de Florianópolis. Um momento muito divertido, quando tive a honra de dividir a mesa com Fabiano, Pedro e Bagre. O jogo é um bom filler, não do tipo que mais me agrada, mas promete!!!

Por fim, a tristeza da tarde, o gosto amargo de 20 minutos que pareciam horas e mais horas... maldito momento que resolvi ser um cara mais mente aberta e dar uma nova oportunidade ao King of Tokio...que martírio!!! tenho certeza que este será o jogo jogado no inferno para castigar a alma dos pecadores!!! Enfim, este não me pega mais, de jeito nenhum!!!

Foi isso... abraços a todos!

________________________________________________

libonati
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2975
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.worldrpgfest.com.br/site

Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 4:34 pm

@libonati escreveu:Por fim, a tristeza da tarde, o gosto amargo de 20 minutos que pareciam horas e mais horas... maldito momento que resolvi ser um cara mais mente aberta e dar uma nova oportunidade ao King of Tokio...que martírio!!! tenho certeza que este será o jogo jogado no inferno para castigar a alma dos pecadores!!! Enfim, este não me pega mais, de jeito nenhum!!!

Um que não sabia direito, e já vinha de desgosto anterior, ensinando outros que não sabiam/lembravam. Ah, sim, certamente uma partida neutra e que pode ser tomada de base para todos!

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 4:35 pm

Olá, pessoas!

Ontem ocorreu, no salão do SESC Água Verde, a XII Curitiba Lúdica! O que eu joguei foi:

- Shadow Hunters (Jorge, Soar, Gallas, André e eu) - uma divertida e rápida partida, em que as pessoas já começaram a bater sem nem saber quem era quem ainda (eu posso ter iniciado isso, hehe). Com o distintivo de "dono do jogo", fui o primeiro a ser eliminado, revelando-me um Caçador (a Emi). Agora era mais possível ver algumas definições. O Jorge protegeu seu personagem com uma armadura, então conseguiu um revólver e um cutelo, tornando-se o mais perigoso jogador. Ele eliminou o Gallas, que era uma Sombra (o Desconhecido), e o Soar se revelou como a outra Sombra (o Lobisomem), de forma que pudesse se valer da habilidade dele (atacar imediatamente quem o atacou) e o Jorge se revelou como um Caçador (o George - hehe). Nessa briga, o Jorge se deu melhor, matando a Sombra e conquistando a vitória para os Caçadores! O André era um Neutro, o Bob, mas não conseguiu completar sua condição de vitória (ter 5 itens equipados);

- A Game of Thrones: The Board Game (Second Edition) (Libonati, Jorge, Soar, Gallas, André e eu) - foi uma partida com a expansão Dance of Dragons, e as Casas ficaram assim: Jorge (Baratheon), Libonati (Tyrell), Soar (Lannister), André (Bolton), Gallas (Greyjoy) e eu (Martell). Os Tyrell, na expansão, tem a posição mais forte no tabuleiro, dominando uma enorma faixa que vai de Oldtown até Cracklaw Point, incluindo uma frota em Shipbreaker Bay. Os Baratheon estão divididos: parte em Dragonstone e Storm's End, e parte em Castle Black e Karhold. Os Greyjoy controlam uma região no Norte, uma no sul, e os mares do oeste. Os Lannister controlam um espaço similar: a região mais rica em castelos e fortalezas, e numa posição mais vantajosa do que antes, pois os Baratheon, que usualmente disputavam com eles Cracklaw Point e Harrenhal, estão divididos e, ainda mais, separados pela frota Tyrell mesmo ali no Sul. Os Martell começam donos de duas fortalezas e um castelo, mas é uma longa marcha até Highgarden, Oldtown, The Reach e Storm's End - pior ainda porque é necessário enfrentar a Casa Tyrell, a mais forte de início e tentar tomar Storm's End é um feito bem complicado (4 de força + quaisquer tropas, antes de qualquer carta). O primeiro combate foi entre os Martell (eu) e os Tyrell (Libonati), brigando pelo Reach. Os Lannister (Soar) decidiram apoiar a defesa dos Tyrell, algo inesperado, fruto de uma promessa de três rodadas sem confronto direto. Não importou, porque os Martell venceram, e os Lannister aprenderam uma lição importante quando, logo em seguida, os Tyrell marcharam de Kingswood para cima do King's Landing, tomando-a em batalha. Os Baratheon (Jorge) e os Bolton (André), fizeram um tradicional acordo de não agressão, para permitir a expansão de ambos, com os Baratheon avançando para os Fingers e as Mountains of the Moon, enquanto os Bolton consolidavam seu poder, preparando uma retomada do Norte. Os Greyjoy (Gallas) tomaram regiões vazias - Arbor e Flint's Finger. A frota Tyrell moveu-se, ocupando Blackwater Bay e indo confrontar a frota Greyjoy no Mar West Summer, onde venceu, expulsando os Greyjoy para o Mar Sunset. Nas rodadas seguintes, os Lannister, sem pressão alguma vindo dos Greyjoy, tomaram Seaguard e Crackclaw Point, ficando em 5 castelos/fortalezas, e preparando-se para avançar sobre King's Landing. Os Martell continuaram sua série de batalhas contra os Tyrell, brigando por Starfall, Reach, Prince's Pass, Dornish Marches e King's Landing - ao final, entre tomadas e retomadas, os Martell perderam as mais importantes: King's Landing e o Reach. Os Tyrell, com acordo com os Greyjoy, permaneceram em luta contra os Martell e, eventualmente, com os Baratheon, pelo controle de King's Landing. Os Bolton, agora em luta aberta contra os Baratheon, perderam White Harbor, para depois recuperar. Os Greyjoy, sem ânsia de conquista, fizeram ataques pequenos no Norte, na Bay of Ice e em Greywater Watch. Nenhuma das cartas de evento teve grande repercussão, somente a única Clash of Kings que viu a luz do dia trouxe consequências: os Martell assumiram o Trono de Ferro, enquanto os Greyjoy ficaram em primeiro nos Feudos e os Tyrell em primeiro na Corte Real - os Baratheons, após as votações, ficaram em posição ainda pior do que a aquela em que começaram, que já era ruim. Na última rodada (somente 6), os Bolton tomaram Seaguard dos Lannister, os Martell tomaram Storm's End dos Baratheon (e resistiram a um contra-ataque), os Tyrell marcharam de Kingswood para King's Landing, para se reforçarem ali. Os Greyjoy, sabe-se lá porque, decidiram atacar os Tyrell, já sem chance alguma de vencer, no Reach, vencendo-os sem dificuldade - os Greyjoy poderiam ter atacado Lannisport, uma briga mais difícil, sim, mas que poderia dar mais emoção à partida. Então os Lannister marcharam para King's Landing e, numa batalha de números bem altos, venceram. Assim, o resultado ficou: 5 para os Lannister (Lannisport, Harrenhal, Cracklaw Point, Riverrun e King's Landing), 4 para os Martell (Sunspear, Yronwood, Starfall e Storm's End) e para os Bolton (Winterfell, White Harbor, Moat Cailin e Saeguard), 3 para os Greyjoy (Ironman's Bay, Flint's Finger e o Reach), 2 para os Tyrell (Highgarden e Oldtown) e 1 para os Baratheon (Dragonstone). A expansão faz com que o jogo seja bem diferente do original, certamente bem mais curto, mas achei-a não tem bem equilibrada quando o jogo base: em menos turnos, há menos o que fazer, claro, logo, que começa numa posição ruim, tem menos chances de se recuperar, e manter é mais fácil - sim, os Tyrell perderam bastante, mas espalhados de um lado a outro do tabuleiro, não tem como ser diferente. Em menos rodadas, a chance de ocorrer menos Clash of Kings faz com que uma votação que venha seja significativa demais. O jogo, veja bem, não fica ruim, de modo algum, só certamente menos bom. Se o Gallas tivesse tido mais coragem em ir para a briga contra os Lannister (praticamente uma obrigação moral!), o final seria bem emocionante. O Soar (Lannister), mesmo estando também cercado de oponentes, não chegou a rodar todas as cartas da mão, enquanto o Libonati e eu o fizemos duas vezes cada um, por exemplo. O Soar aproveitou bem o vácuo e posicionou suas tropas com sabedoria para resistir e manter a posição na rodada final. Achei as cartas das Casas legais, com boas adições, porém, claro, algumas das Casas foram prejudicadas, em minha opinião, recebendo cartas de menos brilho do que antes;

- Arkham Horror (André, Carol, Hudson, Luiz e eu) - foi a partida de estreia para todos, menos eu. Enfrentamos o Yig e os meus comentários virão em um relato a parte;

Encerrada a Curitiba Lúdica (uma hora antes do informado), fomos nos alimentar para, depois, claro, continuar a jogar! Recebi duas promessas de presenças - do Gabriel e do Marcelo - e ambos furaram, mesmo tão em cima da hora. Bonito, bem bonito. Prosseguimos, no entanto, apesar do frio tremendo que veio com a noite. O que jogamos foi:

- Love Letter x2 (André, Carol e eu) - foram duas partidas, ambas bem rápidas (juntas duraram 30-40 minutos, com a explicação). Na primeira, tomei um vareio, usualmente sendo eliminado antes de jogar pela 2a vez. Entre comparações devido ao Barão, ações da Guarda e descartes forçados, terminei vencendo uma rodada só e foi sem querer (terminou as cartas e venci com um Barão, de valor 3, contra um Padre, de valor 2, do André). Ao final, o vencedor foi o André, que se recuperou de uma desvantagem de 3 a 1, para ser o primeiro a vencer 5 rodadas, a Carol terminou com 3 vitórias e eu, como dito, com uma. Na segunda partida, o cenário foi de mais equilíbrio. Coloquei minha Guarda na forma, e comecei a eliminar também. Com as espadas afiadas, as eliminações correram soltas, e não lembro se alguma rodada da 2a partida terminou pela pilha ter exaurido. O resultado final foi: cheguei primeiro às 5 rodadas vencidas, o André e a Carol ficaram, ambos, com 3 rodadas vencidas;

- Mice and Mystics x2 (André, Carol e eu) - foram também duas partidas, uma no primeiro capítulo: Fuga à Cascarpolis (Flight to Barksburg), com os camundongos Maginos (André), Filch (Carol), Tilda (eu) e Collin (eu) - tem que jogar com 4 camundongos, então fiquei com a incumbência de dois. Fomos muito bem, acumulando grandes quantidades de queijo para subir de nível e adquirir novas habilidades, enquanto os oponentes pouco faziam para avançar o tempo da história. Vencemos sem grandes dificuldades e ainda conseguimos completar uma história adicional. Em seguida, jogamos o segundo capítulo: A Cauda da Lily (Lily's Tail), com a equipe um pouco modificada: saiu o Maginos, e entrou a Lily, claro. Neste capítulo, tivemos bem mais problemas, principalmente porque as rolagens estavam cruéis: acertos constantes dos ataques inimigos, com, de quebra, um queijo, o que fazia adiantar a história. O Collin foi captura duas vezes, e os camundongos não conseguiram completar a missão em tempo. Como este é um jogo baseado em descobertas, não vou entrar em detalhes sobre os acontecimentos dos capítulos - joguem e descubram! Pretendo fazer uma resenha sobre minhas primeiras impressões acerca do Mice and Mystics, portanto só vou adiantar que ele muito me surpreendeu, pois esperava um jogo mais infantil (ele serve muito bem para crianças, por certo, mas vai bem além também, mais ou menos como assistir História Sem Fim).

E foi isso! Valeu participantes da Lúdica; um parabéns ao Pedro por ter conseguido o local e a todos os envolvidos em trazer e ensinar jogos!

Abs,


Última edição por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 6:24 pm, editado 1 vez(es)

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por libonati em Dom Jun 23, 2013 4:48 pm

@tiagovip escreveu:
@libonati escreveu:Por fim, a tristeza da tarde, o gosto amargo de 20 minutos que pareciam horas e mais horas... maldito momento que resolvi ser um cara mais mente aberta e dar uma nova oportunidade ao King of Tokio...que martírio!!! tenho certeza que este será o jogo jogado no inferno para castigar a alma dos pecadores!!! Enfim, este não me pega mais, de jeito nenhum!!!

Um que não sabia direito, e já vinha de desgosto anterior, ensinando outros que não sabiam/lembravam. Ah, sim, certamente uma partida neutra e que pode ser tomada de base para todos!

Abs,

Muito me intriga esta sua sanha em defender o jogo!!! Na verdade eu sabia bastante das "regras", pois tinha assistido o tabletop uma dia antes. Apenas não sabia quantas cartas seriam abertas e nem como funcionava a tokio bay. Mas veja, nem todos odiaram a partida. O Penteado e o Bagre gostaram e ainda declararam gostar do jogo ShockedShocked!!!

Mas realmente eu não consigo ver graça alguma no dito cujo. Como disse em outro tópico é um "jogo" idiota de rolar dados. Ressalto que não tenho problemas em rolar dados e vários jogos que gosto tem essa mecânica e a aplicam de maneira parecida ao KoT, como D-Day Dice, Yspahan e Roll Though the Ages. Mas KoT é totalmente vazio para mim.

________________________________________________

libonati
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2975
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.worldrpgfest.com.br/site

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 5:05 pm

Se vocês estavam jogando com somente 2 jogadores ainda ativos usando Tokyo Bay, então não, você não sabia bastante das regras.

Mas, enfim, Jenga é profundo, então beleza.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Samuca em Dom Jun 23, 2013 6:01 pm

Ah! Conforme mencionei para algumas pessoas, o Curitiba Lúdica devia deixar esta mensagem perto dos jogos no próximo evento:




________________________________________________
avatar
Samuca
Twilight Struggle
Twilight Struggle

Mensagens : 1396
Data de inscrição : 28/05/2013
Idade : 35

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/ascensx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por luizaurio em Dom Jun 23, 2013 6:08 pm

hahaha muito bom, faltou aquele de "ajudar o dono a organizar os componentes ao final de cada jogo"!
avatar
luizaurio
Ra
Ra

Mensagens : 130
Data de inscrição : 19/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Gustavo em Dom Jun 23, 2013 6:18 pm

Ontem eu joguei cinco jogos:

Ticket to Ride: Heart of Africa - o mapa mais travado que conheço, bem difícil. Quem venceu foi o Inkari.


Zogar's Gaze - Com algumas mudanças já achei o jogo melhor, mas o Pit Trap foi uma desgraça... para a Marisa e o Giovanni - em suma, outra regra pra arrumar. O Pedro da Puc venceu. Ele era a Mermaiden Hero.

Takenoko - Esse jogou eu, Marisa e Romir. Eu já conhecia, mas foi uma enorme decepção para os outros dois. Pra verem, no final eu e o Romir empatamos e nem quisemos ver nas regras as regras de desempate, não estávamos nem aí.

King of Tokyo - Apesar do ódio do Bruno, devo admitir que foi divertido. O cara que ganhou era um novato, não lembro o nome dele.

Britannia - O carro-chefe do dia, já postei sobre o jogo separadamente!

E foi muito legal!

________________________________________________
"From the last ills no being can save another; therein each man must be his own saviour." - Herman Melville

avatar
Gustavo
Arkham Horror
Arkham Horror

Mensagens : 1627
Data de inscrição : 25/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 7:20 pm

Coloquei o relato do Game of Thrones aqui:

http://boardgamegeek.com/thread/996026/a-quarta-guerra-por-westeros

Com o auxílio de uma imagem do mapa e do set up do jogo, para ajudar a acompanhar a descrição da partida.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por luizaurio em Dom Jun 23, 2013 7:24 pm

Uma pergunta, jogando com 3, 4 ou 5 jogadores fica melhor com a expansão? 

Eu gosto bastante de GoT mas todas que joguei com menos do que 5 ficou complicado!
avatar
luizaurio
Ra
Ra

Mensagens : 130
Data de inscrição : 19/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 8:17 pm

@luizaurio escreveu:Uma pergunta, jogando com 3, 4 ou 5 jogadores fica melhor com a expansão? 

Eu gosto bastante de GoT mas todas que joguei com menos do que 5 ficou complicado!

Acho que ninguém aqui vai saber, pois suponho que foi a primeira vez que alguém aqui do fórum jogou com a expansão. Mas me parece que continua valendo o que valia antes: melhor com 6 jogadores.

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por tiagovip em Dom Jun 23, 2013 9:06 pm

Segue o link para o relato da partida de Arkham:

http://boardgamegeek.com/thread/996095/arkham-22-de-junho-de-1926

Abs,

________________________________________________
From even the greatest of horrors irony is seldom absent. -- H.P. Lovecraft
avatar
tiagovip
Sherlock Holmes
Sherlock Holmes

Mensagens : 5912
Data de inscrição : 24/05/2013
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/tiagoVIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Andre Modt em Dom Jun 23, 2013 9:31 pm

Warrior escreveu:Vou puxar a fila...

Vou reproduzir o meu comentário do Facebook
"Que beleza de encontro... velhos e novos amigos estiveram presentes na 12th Curitiba Ludica ontem. 
O Sesc Água Verde foi um ótimo anfitrião, creio que agradou a todos pela sua estrutura. Parabéns também ao meu brother Pedro Henrique Miranda, por encabeçar a organização do evento.
Que venha a próxima edição da Curitiba Lúdica!"


Foi de fato legal, eu já não encontrava há muito tempo companheiros como o Muller, Daniel Lira, Furlanetto, Olavo entre tantos.

Ontem pude jogar
Shadow Hunters  (Perreto, Jorge, Andre, Gallas, Soar) - foi uma partida rápida onde o hunter do jorge levou a vitória ao seu time a
o derrotar o último Shadow - o meu werewolf.




Com a chegada do Libonati ao nosso grupo, pude então conhecer o Game of Thrones Boardgame.
Jogamos com a expansão A Dance With Dragons que reduz bastante o tempo de jogo e trás novas cartas para as "famílias".
Rafael Lannister Soar ficou com o Trono de Ferro!!

Aqui nesta imagem o derradeiro ataque sobre as tropas do Bruno Trayrrel (traira com Tyrrel)

Score final:

Para fechar a minha participação conheci também o DC Deck building (com Buco, Pedro II e o Gustavo japa)
É um jogo com mecânica muito similar com o Dominium, posso dizer que eu gostei devido a temática dele, porém a jogabilidade do Dominium ainda é um pouco melhor. esta partida representei a super deliciosa Wonder Woman Embarassed e fiquei em último colocado (vitória do Marcelo)


Que pena que não deu pra jogar mais, entretanto iniciar a Ctba Lúdica de manhã me proporcionou estar presente.
Abrax
E ficou faltando o Game of Thrones LCG que umas pessoas ficaram de ensinar e não fizeram o trabalho. Mas na próxima eu não fujo Soar.

@tiagovip escreveu:Olá, pessoas!

Ontem ocorreu, no salão do SESC Água Verde, a XII Curitiba Lúdica! O que eu joguei foi:

- Shadow Hunters (Jorge, Soar, Gallas, André e eu) - uma divertida e rápida partida, em que as pessoas já começaram a bater sem nem saber quem era quem ainda (eu posso ter iniciado isso, hehe). Com o distintivo de "dono do jogo", fui o primeiro a ser eliminado, revelando-me um Caçador (a Emi). Agora era mais possível ver algumas definições. O Jorge protegeu seu personagem com uma armadura, então conseguiu um revólver e um cutelo, tornando-se o mais perigoso jogador. Ele eliminou o Gallas, que era uma Sombra (o Desconhecido), e o Soar se revelou como a outra Sombra (o Lobisomem), de forma que pudesse se valer da habilidade dele (atacar imediatamente quem o atacou) e o Jorge se revelou como um Caçador (o George - hehe). Nessa briga, o Jorge se deu melhor, matando a Sombra e conquistando a vitória para os Caçadores! O André era um Neutro, o Bob, mas não conseguiu completar sua condição de vitória (ter 5 itens equipados);

- A Game of Thrones: The Board Game (Second Edition) (Libonati, Jorge, Soar, Gallas, André e eu) - foi uma partida com a expansão Dance of Dragons, e as Casas ficaram assim: Jorge (Baratheon), Libonati (Tyrell), Soar (Lannister), André (Bolton), Gallas (Greyjoy) e eu (Martell). Os Tyrell, na expansão, tem a posição mais forte no tabuleiro, dominando uma enorma faixa que vai de Oldtown até Cracklaw Point, incluindo uma frota em Shipbreaker Bay. Os Baratheon estão divididos: parte em Dragonstone e Storm's End, e parte em Castle Black e Karhold. Os Greyjoy controlam uma região no Norte, uma no sul, e os mares do oeste. Os Lannister controlam um espaço similar: a região mais rica em castelos e fortalezas, e numa posição mais vantajosa do que antes, pois os Baratheon, que usualmente disputavam com eles Cracklaw Point e Harrenhal, estão divididos e, ainda mais, separados pela frota Tyrell mesmo ali no Sul. Os Martell começam donos de duas fortalezas e um castelo, mas é uma longa marcha até Highgarden, Oldtown, The Reach e Storm's End - pior ainda porque é necessário enfrentar a Casa Tyrell, a mais forte de início e tentar tomar Storm's End é um feito bem complicado (4 de força + quaisquer tropas, antes de qualquer carta). O primeiro combate foi entre os Martell (eu) e os Tyrell (Libonati), brigando pelo Reach. Os Lannister (Soar) decidiram apoiar a defesa dos Tyrell, algo inesperado, fruto de uma promessa de três rodadas sem confronto direto. Não importou, porque os Martell venceram, e os Lannister aprenderam uma lição importante quando, logo em seguida, os Tyrell marcharam de Kingswood para cima do King's Landing, tomando-a em batalha. Os Baratheon (Jorge) e os Bolton (André), fizeram um tradicional acordo de não agressão, para permitir a expansão de ambos, com os Baratheon avançando para os Fingers e as Mountains of the Moon, enquanto os Bolton consolidavam seu poder, preparando uma retomada do Norte. Os Greyjoy (Gallas) tomaram regiões vazias - Arbor e Flint's Finger. A frota Tyrell moveu-se, ocupando Blackwater Bay e indo confrontar a frota Greyjoy no Mar West Summer, onde venceu, expulsando os Greyjoy para o Mar Sunset. Nas rodadas seguintes, os Lannister, sem pressão alguma vindo dos Greyjoy, tomaram Seaguard e Crackclaw Point, ficando em 5 castelos/fortalezas, e preparando-se para avançar sobre King's Landing. Os Martell continuaram sua série de batalhas contra os Tyrell, brigando por Starfall, Reach, Prince's Pass, Dornish Marches e King's Landing - ao final, entre tomadas e retomadas, os Martell perderam as mais importantes: King's Landing e o Reach. Os Tyrell, com acordo com os Greyjoy, permaneceram em luta contra os Martell e, eventualmente, com os Baratheon, pelo controle de King's Landing. Os Bolton, agora em luta aberta contra os Baratheon, perderam White Harbor, para depois recuperar. Os Greyjoy, sem ânsia de conquista, fizeram ataques pequenos no Norte, na Bay of Ice e em Greywater Watch. Nenhuma das cartas de evento teve grande repercussão, somente a única Clash of Kings que viu a luz do dia trouxe consequências: os Martell assumiram o Trono de Ferro, enquanto os Greyjoy ficaram em primeiro nos Feudos e os Tyrell em primeiro na Corte Real - os Baratheons, após as votações, ficaram em posição ainda pior do que a aquela em que começaram, que já era ruim. Na última rodada (somente 6), os Bolton tomaram Seaguard dos Lannister, os Martell tomaram Storm's End dos Baratheon (e resistiram a um contra-ataque), os Tyrell marcharam de Kingswood para King's Landing, para se reforçarem ali. Os Greyjoy, sabe-se lá porque, decidiram atacar os Tyrell, já sem chance alguma de vencer, no Reach, vencendo-os sem dificuldade - os Greyjoy poderiam ter atacado Lannisport, uma briga mais difícil, sim, mas que poderia dar mais emoção à partida. Então os Lannister marcharam para King's Landing e, numa batalha de números bem altos, venceram. Assim, o resultado ficou: 5 para os Lannister (Lannisport, Harrenhal, Cracklaw Point, Riverrun e King's Landing), 4 para os Martell (Sunspear, Yronwood, Starfall e Storm's End) e para os Bolton (Winterfell, White Harbor, Moat Cailin e Saeguard), 3 para os Greyjoy (Ironman's Bay, Flint's Finger e o Reach), 2 para os Tyrell (Highgarden e Oldtown) e 1 para os Baratheon (Dragonstone). A expansão faz com que o jogo seja bem diferente do original, certamente bem mais curto, mas achei-a não tem bem equilibrada quando o jogo base: em menos turnos, há menos o que fazer, claro, logo, que começa numa posição ruim, tem menos chances de se recuperar, e manter é mais fácil - sim, os Tyrell perderam bastante, mas espalhados de um lado a outro do tabuleiro, não tem como ser diferente. Em menos rodadas, a chance de ocorrer menos Clash of Kings faz com que uma votação que venha seja significativa demais. O jogo, veja bem, não fica ruim, de modo algum, só certamente menos bom. Se o Gallas tivesse tido mais coragem em ir para a briga contra os Lannister (praticamente uma obrigação moral!), o final seria bem emocionante. O Soar (Lannister), mesmo estando também cercado de oponentes, não chegou a rodar todas as cartas da mão, enquanto o Libonati e eu o fizemos duas vezes cada um, por exemplo. O Soar aproveitou bem o vácuo e posicionou suas tropas com sabedoria para resistir e manter a posição na rodada final. Achei as cartas das Casas legais, com boas adições, porém, claro, algumas das Casas foram prejudicadas, em minha opinião, recebendo cartas de menos brilho do que antes;

- Arkham Horror (André, Carol, Hudson, Luiz e eu) - foi a partida de estreia para todos, menos eu. Enfrentamos o Yig e os meus comentários virão em um relato a parte;

Encerrada a Curitiba Lúdica (uma hora antes do informado), fomos nos alimentar para, depois, claro, continuar a jogar! Recebi duas promessas de presenças - do Gabriel e do Marcelo - e ambos furaram, mesmo tão em cima da hora. Bonito, bem bonito. Prosseguimos, no entanto, apesar do frio tremendo que veio com a noite. O que jogamos foi:

- Love Letter x2 (André, Carol e eu) - foram duas partidas, ambas bem rápidas (juntas duraram 30-40 minutos, com a explicação). Na primeira, tomei um vareio, usualmente sendo eliminado antes de jogar pela 2a vez. Entre comparações devido ao Barão, ações da Guarda e descartes forçados, terminei vencendo uma rodada só e foi sem querer (terminou as cartas e venci com um Barão, de valor 3, contra um Padre, de valor 2, do André). Ao final, o vencedor foi o André, que se recuperou de uma desvantagem de 3 a 1, para ser o primeiro a vencer 5 rodadas, a Carol terminou com 3 vitórias e eu, como dito, com uma. Na segunda partida, o cenário foi de mais equilíbrio. Coloquei minha Guarda na forma, e comecei a eliminar também. Com as espadas afiadas, as eliminações correram soltas, e não lembro se alguma rodada da 2a partida terminou pela pilha ter exaurido. O resultado final foi: cheguei primeiro às 5 rodadas vencidas, o André e a Carol ficaram, ambos, com 3 rodadas vencidas;

- Mice and Mystics x2 (André, Carol e eu) - foram também duas partidas, uma no primeiro capítulo: Fuga à Cascarpolis (Flight to Barksburg), com os camundongos Maginos (André), Filch (Carol), Tilda (eu) e Collin (eu) - tem que jogar com 4 camundongos, então fiquei com a incumbência de dois. Fomos muito bem, acumulando grandes quantidades de queijo para subir de nível e adquirir novas habilidades, enquanto os oponentes pouco faziam para avançar o tempo da história. Vencemos sem grandes dificuldades e ainda conseguimos completar uma história adicional. Em seguida, jogamos o segundo capítulo: A Cauda da Lily (Lily's Tail), com a equipe um pouco modificada: saiu o Maginos, e entrou a Lily, claro. Neste capítulo, tivemos bem mais problemas, principalmente porque as rolagens estavam cruéis: acertos constantes dos ataques inimigos, com, de quebra, um queijo, o que fazia adiantar a história. O Collin foi captura duas vezes, e os camundongos não conseguiram completar a missão em tempo. Como este é um jogo baseado em descobertas, não vou entrar em detalhes sobre os acontecimentos dos capítulos - joguem e descubram! Pretendo fazer uma resenha sobre minhas primeiras impressões acerca do Mice and Mystics, portanto só vou adiantar que ele muito me surpreendeu, pois esperava um jogo mais infantil (ele serve muito bem para crianças, por certo, mas vai bem além também, mais ou menos como assistir História Sem Fim).

E foi isso! Valeu participantes da Lúdica; um parabéns ao Pedro por ter conseguido o local e a todos os envolvidos em trazer e ensinar jogos!

Abs,

Valeu aí pela partida corrida de Arkham, curti muito o jogo e valeu meu dinheiro gasto. : D Certamente tentarei jogá-lo mais vezes, pra tentar ganhar uma ;D

O mice and mystics eu achei muito legal também e fico feliz que tenha gostado. Quero ver se conseguimos terminar aquela campanha, que me surpreendeu derrotando-nos. Por ser um jogo mais "infantil" achei que seria relativamente fácil. [Já que a primeira missão assim foi].

@luizaurio escreveu:Uma pergunta, jogando com 3, 4 ou 5 jogadores fica melhor com a expansão? 

Eu gosto bastante de GoT mas todas que joguei com menos do que 5 ficou complicado!

Acho que ficaria estranho. Sem Martell a pressão no Tyrell ficaria muito fraca e ele rapidamente expulsaria o Baratheon do sul tendo que lidar só com Lannister e alguns poucos Greyjoy.

________________________________________________
Pathfinder + Netrunner = Account Siphon!
Blog começando, mas ao poucos vai crescendo: http://anrbrasil.blogspot.com.br/

Gaming Unplugged since 2012
avatar
Andre Modt
Power Grid
Power Grid

Mensagens : 532
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 25
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Carol em Dom Jun 23, 2013 10:34 pm

@Samuca escreveu:Agradecimentos especiais: à Carol, por ter aceitado entrar na surra que levamos do Ghost Stories;
Foi um prazer jogar com vocês, Samuca! E apesar da surra ter sido feia, achei bem interessante xD Pra falar a verdade, eu adoro jogos desafiadores...
E me diverti bastante jogando o Ticket to Ride - Europe também Very Happy   Eu que devo agradecer vocês, por sempre explicarem pacientemente as regras pra newbie aqui o/



@tiagovip escreveu:- Arkham Horror (André, Carol, Hudson, Luiz e eu) - foi a partida de estreia para todos, menos eu. Enfrentamos o Yig e os meus comentários virão em um relato a parte;

Encerrada a Curitiba Lúdica (uma hora antes do informado), fomos nos alimentar para, depois, claro, continuar a jogar! Recebi duas promessas de presenças - do Gabriel e do Marcelo - e ambos furaram, mesmo tão em cima da hora. Bonito, bem bonito. Prosseguimos, no entanto, apesar do frio tremendo que veio com a noite. O que jogamos foi:

- Love Letter x2 (André, Carol e eu) - foram duas partidas, ambas bem rápidas (juntas duraram 30-40 minutos, com a explicação). Na primeira, tomei um vareio, usualmente sendo eliminado antes de jogar pela 2a vez. Entre comparações devido ao Barão, ações da Guarda e descartes forçados, terminei vencendo uma rodada só e foi sem querer (terminou as cartas e venci com um Barão, de valor 3, contra um Padre, de valor 2, do André). Ao final, o vencedor foi o André, que se recuperou de uma desvantagem de 3 a 1, para ser o primeiro a vencer 5 rodadas, a Carol terminou com 3 vitórias e eu, como dito, com uma. Na segunda partida, o cenário foi de mais equilíbrio. Coloquei minha Guarda na forma, e comecei a eliminar também. Com as espadas afiadas, as eliminações correram soltas, e não lembro se alguma rodada da 2a partida terminou pela pilha ter exaurido. O resultado final foi: cheguei primeiro às 5 rodadas vencidas, o André e a Carol ficaram, ambos, com 3 rodadas vencidas;

- Mice and Mystics x2 (André, Carol e eu) - foram também duas partidas, uma no primeiro capítulo: Fuga à Cascarpolis (Flight to Barksburg), com os camundongos Maginos (André), Filch (Carol), Tilda (eu) e Collin (eu) - tem que jogar com 4 camundongos, então fiquei com a incumbência de dois. Fomos muito bem, acumulando grandes quantidades de queijo para subir de nível e adquirir novas habilidades, enquanto os oponentes pouco faziam para avançar o tempo da história. Vencemos sem grandes dificuldades e ainda conseguimos completar uma história adicional. Em seguida, jogamos o segundo capítulo: A Cauda da Lily (Lily's Tail), com a equipe um pouco modificada: saiu o Maginos, e entrou a Lily, claro. Neste capítulo, tivemos bem mais problemas, principalmente porque as rolagens estavam cruéis: acertos constantes dos ataques inimigos, com, de quebra, um queijo, o que fazia adiantar a história. O Collin foi captura duas vezes, e os camundongos não conseguiram completar a missão em tempo. Como este é um jogo baseado em descobertas, não vou entrar em detalhes sobre os acontecimentos dos capítulos - joguem e descubram! Pretendo fazer uma resenha sobre minhas primeiras impressões acerca do Mice and Mystics, portanto só vou adiantar que ele muito me surpreendeu, pois esperava um jogo mais infantil (ele serve muito bem para crianças, por certo, mas vai bem além também, mais ou menos como assistir História Sem Fim).

E foi isso! Valeu participantes da Lúdica; um parabéns ao Pedro por ter conseguido o local e a todos os envolvidos em trazer e ensinar jogos!

Abs,

Curti MUITO jogar o Arkham Horror. Apesar de ser um jogo bastante longo pros meus padrões (a nossa partida demorou cerca de 4 horas), achei o jogo bastante leve, foram 4 horas que passaram voando, não pesaram. A dinâmica é muito bacana, gostei bastante da parte das cartas de encontro do jogo, cartas de mito, etc. Acredito que dão um clima todo especial à aventura. Fiquei muito impressionada com a variedade de personagens também, e com a quantidade de peças no jogo. Arkham Horror aprovadíssimo! Acho que arriscaria dizer que foi um dos jogos que eu mais gostei de jogar, até hoje... I love you

Gostei do Love Letter também... Bem rapidinho, bem dinâmico. Gosto bastante de jogos nesses moldes. Smile

Mice and Mystics me surpreendeu bastante. Inicialmente, eu fui influenciada pela empolgação do André, mas lá no fundo, pensei que seria um jogo bastante infantil. Como o Perreto disse, ele serve bem pra crianças, mas também é muito bom pra ser jogado por adultos. A história é muito bonitinha, e as cartas de item foram uma fofura à parte pra mim, já que faz muito sentido você pensar num ratinho com um capacete improvisado com um dedal, ou um escudo de botão (Ounw <3 fofura). Enfim, gostei muito. Ler a história e jogar a aventura é bastante empolgante, e as miniaturas são bem bacanas. Aprovadíssimo Very Happy

Finalmente, gostaria de agradecer à todo o pessoal que organizou a Curitiba Lúdica... Gostei bastante do espaço do Sesc, também. Gostaria de agradecer especialmente ao Pedro, pela hospitalidade Smile

Foi meu segundo CL e pretendo que venham muitos por aí!
avatar
Carol
Banco Imobiliário
Banco Imobiliário

Mensagens : 34
Data de inscrição : 16/06/2013
Idade : 25
Localização : Curitiba - PR

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Marcelo em Dom Jun 23, 2013 11:17 pm

Infelizmente não pude ficar muito tempo, só joguei o DC Deck Building Game, era minha segunda partida, desta vez com o Cyborg, e apesar de ter matado 5 dos 8 supervilões, acabei ficando em segundo (esqueci o nome do rapaz que venceu).
Gostaria de parabenizar ao Pedro e a todos os envolvidos na organização deste Curitiba Lúdica, estava tudo muito bom, excelente o espaço do Sesc por sinal. A forma como vocês recebem os novatos neste mundo dos boardgames é fantástica, parabéns novamente.
Acho que é isso, é sempre bom rever o pessoal.
Um grande abraço a todos,

Marcelo.
avatar
Marcelo
Power Grid
Power Grid

Mensagens : 629
Data de inscrição : 28/05/2013
Idade : 38
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Leohnardo em Seg Jun 24, 2013 12:38 am

Foi bacana Smile
Joguei o Ticket to ride, Ghost Stories, Suburbia e 7 wonders, nesta ordem. Infelizmente só acordei de verdade na hora do 7 wonders, e fiz ações mto estúpidas no Suburbia e cortava a vez da Carol direto no TtR (perdão Sad).
avatar
Leohnardo
Ra
Ra

Mensagens : 125
Data de inscrição : 24/05/2013
Idade : 27

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Samuca em Seg Jun 24, 2013 12:47 am

Leo.Nardo escreveu:Foi bacana Smile
Joguei o Ticket to ride, Ghost Stories, Suburbia e 7 wonders, nesta ordem. Infelizmente só acordei de verdade na hora do 7 wonders, e fiz ações mto estúpidas no Suburbia e cortava a vez da Carol direto no TtR (perdão Sad).

Finalmente, você apareceu aqui, Léo! Agora, você só precisa voltar a jogar com a gente com a antiga freqüência de antigamente! E, conforme prometi, confira aqui minha coleção e se tiver algo que você queira jogar, vamos marcar!

Abração! bouncebounce

________________________________________________
avatar
Samuca
Twilight Struggle
Twilight Struggle

Mensagens : 1396
Data de inscrição : 28/05/2013
Idade : 35

Ver perfil do usuário http://www.boardgamegeek.com/user/ascensx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por luizaurio em Seg Jun 24, 2013 12:58 am

Bom, vou então aos relatos para não desvirtuar o tópico:

King of Tokyo: Eu queria começar jogando Ghost Stories mas algumas pessoas ali queriam jogar o King of Tokyo, como eu sabia as regras jogamos uma partida em 5 pessoas. Como sempre cumpriu bem a sua função, quebrou o clima sério do ar de alguns ali e demos algumas boas risadas nos momentos finais do jogo.

Tsuru: Em seguida, mantendo o padrão de jogos "leves" jogamos 3 partidas deste belo jogo. Fiquei bastante surpreso com a qualidade dos componentes, belíssimas peças e o tabuleiro claramente está um passo acima do padrão "standard". Jogos bem rápido, jogamos em 6 pessoas, ganhei 1 e empatei em primeiro outra (cof cof) mas infelizmente não lembro o nome dos jogadores.

Flash Point: Logo antes do almoço jogamos este belo cooperativo. Realmente foi a minha grande surpresa do dia. Primeiro pq eu nunca havia jogado cooperativos. Segundo pq, embora tenha visto várias vezes referência a este jogo nunca dei a devida importância, com certeza vou compra-lo em alguma oportunidade futura, inclusive estou vendo que quem perdeu o Kickstarter  ainda tem uma segunda chance ( http://www.indieboardsandcards.com/ed2ndchance.php não sei se vem com os stretchs, estou pesquisando). Ganhamos facilmente, mas pelo que entendi jogamos no modo "easy".

Arkham Horror: Tive a chance de estrear meu Arkham esse sábado e foi sensacional. Adorei a atmosfera do jogo, já li vários contos do Lovecraft e é incrível como realmente o jogo te coloca naquele universo, a questão da sanidade, principalmente, uma ideia de que a mente humana não está preparada para conhecer os horrores que habitam as sombras. No entanto, a mente das pessoas do nosso grupo (Eu, Perretto, Hudson, Carol e André) estava mais do que preparada e chegamos realmente perto de vencer o Yig, mas infelizmente deixamos o caos reinar supremo na terra. O relato completo está no post do Perretto, aliás, que memória!! Ele lembra tudo do que rolou no jogo hahaha!
avatar
luizaurio
Ra
Ra

Mensagens : 130
Data de inscrição : 19/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por luizaurio em Seg Jun 24, 2013 1:00 am

@Samuca escreveu:
Leo.Nardo escreveu:Foi bacana Smile
Joguei o Ticket to ride, Ghost Stories, Suburbia e 7 wonders, nesta ordem. Infelizmente só acordei de verdade na hora do 7 wonders, e fiz ações mto estúpidas no Suburbia e cortava a vez da Carol direto no TtR (perdão Sad).

Finalmente, você apareceu aqui, Léo! Agora, você só precisa voltar a jogar com a gente com a antiga freqüência de antigamente! E, conforme prometi, confira aqui minha coleção e se tiver algo que você queira jogar, vamos marcar!

Abração! bouncebounce

Gosta do Lords of Waterdeep? andei lendo coisas boas sobre ele!
avatar
luizaurio
Ra
Ra

Mensagens : 130
Data de inscrição : 19/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por libonati em Seg Jun 24, 2013 1:06 am

Não vou mais discutir sobre o KoT, eh apenas uma questão de gosto e o meu, por sinal eh minoria neste grupo.
Mas apenas quero deixar claro que não se trata da profundidade do jogo, gosto de muitos jogos leves, mas não KoT.

________________________________________________

libonati
Middle-earth Quest
Middle-earth Quest

Mensagens : 2975
Data de inscrição : 25/05/2013
Idade : 33
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário http://www.worldrpgfest.com.br/site

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XII Curitiba Lúdica

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum